Conjuntura Indústria regista a maior quebra na produção em sete anos

Indústria regista a maior quebra na produção em sete anos

O setor da energia viveu uma queda de produção acentuada, em março, o que influenciou a evolução da produção total, que observou assim a maior descida desde abril de 2002.
Indústria regista a maior quebra na produção em sete anos
Bloomberg
Sara Antunes 30 de abril de 2019 às 11:39

O índice de produção industrial caiu 7,6% em março, quando comparado com o mesmo período do ano passado, revelou o Instituto Nacional de Estatística (INE). Esta é a queda mais pronunciada deste índice desde abril de 2002.

 

O INE explica que a contribuir fortemente para esta descida esteve a energia, cujo índice de produção afundou 29,2%. O INE não explica o que está por detrás deste desempenho, mas o mês de março foi marcado por um tempo mais ameno, o que poderá justificar parte deste comportamento.


Excluindo o contributo da energia, o índice de produção industrial caiu 1,8%, depois de ter aumentado 0,8%.

 

"O índice agregado registou uma variação homóloga de -4,1% no primeiro trimestre de 2019 (no trimestre anterior, esta variação tinha sido de -1,3%). Excluindo o agrupamento de Energia, registou-se uma variação de -1,1% (-1,5% no 4º trimestre de 2018)", adianta o INE.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI