Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Paços de Ferreira supera os 3% da população infetada e há 45 concelhos acima de 1%. Veja no mapa o seu

Após uma semana com mais de 19 mil novos contágios, 1,18% da população portuguesa está ou já esteve infetada com o coronavírus. Existem 45 municípios com mais de 1% de infetados e Paços de Ferreira supera os 3%. Veja no mapa a evolução no seu município.

Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 27 de Outubro de 2020 às 18:07
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...
No espaço de sete dias, Portugal viu o número de infetados pelo novo coronavírus aumentar em mais de 19 mil, a um ritmo de 2.753 novos casos diários, em média. E o número de concelhos com pelo menos 1% da população a estar ou ter estado infetada disparou de 33 para 45.

A 25 de outubro, o total nacional ascendia já a 121.133 casos, ou seja, 1,18% do total de residentes no país. Quanto ao número de municípios a superar a barreira dos 1% registam-se mais 12 concelhos, para um total de 45, o que representa quase 15% dos concelhos de Portugal. Este número deverá, aliás, pecar por defeito, uma vez que os reportes a nível municipal deixavam, esta segunda-feira, de fora cerca de 23 mil casos.

Paços de Ferreira destaca-se ao ser o único município a superar a fasquia dos 3% dos habitantes a já terem testado positivo desde o início da pandemia. Só na última semana o concelho pacense registou 542 novos contágios, o que equivale a praticamente 1% da população do município da capital do móvel. Os 1.845 casos no concelho representam 3,25% dos residentes.

Existem três outros concelhos com mais de 2% dos habitantes a estarem ou terem estado infetados: Lousada, com 2,68%, Vimioso, com 2,34%, e Amadora, com 2,02%.

Perto da fasquia dos 2% encontram-se ainda mais três municípios: Loures, Reguengos de Monsaraz e Sintra, todos acima dos 1,9%.

AML atinge 1,5% da população infetada 
A Área Metropolitana de Lisboa (AML), cuja população total é de 2,86 milhões, existem quase 43 mil casos, mais quatro mil do que uma semana atrás, o que traduz uma taxa de infeção de 1,5%.

Dos 18 concelhos da AML, são já 13, com Almada, Barreiro, Mafra e Seixal a superarem esta semana os 1% de infetados desde o início da pandemia.

Os únicos concelhos onde existem menos de um em cada 100 habitantes a terem testado positivo situam-se todos na margem sul do Tejo - Alcochete, Montijo, Palmela, Sesimbra e Setúbal.

E nesta região, são seis os municípios onde a incidência excede 1,5%, incluindo os dois concelhos mais populosos do país - Lisboa e Sintra.

Área Metropolitana do Porto com 11 concelhos acima de 1%
Na Área Metropolitana do Porto (AMP) o número de testes positivos ascendem a 1,18%, com 11 dos 17 municípios a superarem a barreira de 1%, mais três do que há uma semana.

Esta semana superaram esta fasquia os concelhos de Gondomar, Santo Tirso e Vila Nova de Gaia.

As maiores incidências registam-se no Porto (1,62%), Vila do Conde (1,49%), Valongo (1,39%), Matosinhos (1,38%) e Arouca (1,31%).

Aliás, os 16 concelhos mais populosos do país apresentam já mais de 1% dos residentes infetados.

Distrito de Bragança com cinco concelhos acima de 1%

O distrito de Bragança regista cinco municípios onde mais de um em cada 100 residentes estão ou estiveram infetados.

É aliás neste distrito que se encontra o terceiro concelho com maior incidência: Vimioso, onde 2,34% da população contraiu o vírus.

Também Bragança, Miranda do Douro, Mogadouro e Macedo de Cavaleiros superam a fasquia dos 1%.

Já no distrito de Braga, os concelhos de Braga, Guimarães, Vila Verde e Braga excedem aquela incidência.

Há ainda municípios com mais de 1% da população a estar ou ter estado infetada no Alentejo - Reguengos de Monsaraz e Mora -, no distrito de Viseu - Cinfães e Sernancelhe -, na região de Coimbra - Condeixa-a-Nova -, e ainda o concelho de Ovar, no distrito de Aveiro.

Ver comentários
Saber mais Paços de Ferreira Vimioso Sintra Reguengos de Monsaraz AML Lisboa Porto Braga Bragança concelhos covid população
Outras Notícias