Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Guimarães com mais de 6.000 novos casos num mês. Há 38 concelhos com mais de mil contágios. Veja no mapa o seu

Entre 26 de outubro e 25 de novembro o concelho de Guimarães registou mais de 6.300 novas infeções pelo coronavírus, superando Lisboa, que tem mais do triplo da população do município minhoto. Em 38 concelhos foram contabilizados mais de um milhar de novos casos. Veja o que aconteceu no seu.

  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...
No espaço de 30 dias - entre 26 de outubro e 25 de novembro - Guimarães registou 6.365 novas infeções pelo coronavírus, superando por cerca de 100 casos os números de Lisboa. Só que o município vimarenense tem 152 mil habitantes contra 509 mil da capital.

A Direção-Geral de Saúde (DGS) revelou a 26 de outubro pela última vez os casos acumulados por concelho - referentes até 25 de outubro - tendo, desde então, passado a divulgar os casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.

O Negócios calculou, com base na incidência e na população residente por concelho o número de casos registados no primeiro período reportado pela DGS (com dados de 28 de outubro a 10 de novembro) e no mais recente (de 12 a 25 de novembro), os novos casos registados naqueles dois períodos. Somando ao acumulado que havia sido reportado até 25 de outubro é possível calcular também os casos acumulados por concelho desde o início da pandemia. No entanto, estes dados não contabilizam os contágios registados a 26 e 27 de outubro nem a 11 de novembro, pelo que podem pecar por defeito.

Ainda assim, os 6.365 contágios reportados em Guimarães neste período representam cerca de 4,2% da população do município. Dito de outra forma: em 30 dias, um em cada 25 habitante de Guimarães foi infetado.

Lisboa foi o segundo município com mais casos nestes 30 dias: 6.216. Mas este número representa apenas 1,2% dos residentes na capital.

Perto da fasquia dos seis mil casos ficou ainda Vila Nova de Gaia, com 5.949 novas infeções. Sendo o terceiro município mais populoso - com 300 mil habitantes -, este valor corresponde a aproximadamente 2% dos residentes no concelho.

Uma dúzia de concelhos com média acima de 100 novos casos diários
Nestes 30 dias há 12 concelhos que reportaram mais de três mil novas infeções, superando a média de 100 novos contágios por dia.

Refletindo a situação mais grave vivida a Norte, destes 12 municípios apenas Lisboa e Sintra - por sinal os dois concelhos mais populosos - não pertencem àquela região. Em Sintra, os 3.895 novos casos correspondem a sensivelmente 1% da população.

Além dos concelhos já referidos, superaram os três mil novos contágios os municípios do Porto (4.696 casos e 2,2% da população), Vila Nova de Famalicão (4.550 e 3,4%), Braga (3.978 e 2,2%), Matosinhos (3.714 e 2,1%), Gondomar (3.510 e 2,1%), Santa Maria da Feira (3.459 e 2,5%), Paços de Ferreira (3.224 e 5,7%) e Paredes (3.172 e 3,7%).

Paços de Ferreira, que foi um dos três concelhos onde foram impostas mais cedo restrições para conter a pandemia, viu mais de um em cada 20 dos seus habitantes ser infetado nestes 30 dias.

38 municípios somaram mais de um milhar de casos
No total, foram 38 os concelhos que registaram pelo menos mil novos contágios neste período.

Nesta lista destaca-se, por ser o concelho menos populoso, Vizela onde os 1.097 casos representam 4,6% dos cerca de 24 mil residentes.

Existem também seis concelhos com mais de dois mil casos e que têm menos de 100 mil habitantes: Penafiel (2.732 casos e 3,9% da população), Lousada (2.701 e 5,8%), Santo Tirso (2.412 e 3,5%), Valongo (2.251 e 2,3%), Vila do Conde (2.135 e 2,7%) e Felgueiras (2.065 e 3,6%).

Lisboa supera 15 mil casos acumulados e há 13 concelhos com mais de 5 mil contágios
Lisboa é o município com mais casos acumulados desde o início da pandemia, totalizando pelo menos 15.418 infeções.

Na segunda posição surge o segundo concelho mais populoso, Sintra, com 11.349 casos, seguindo-se Vila Nova de Gaia, o terceiro município com mais habitantes, com 9.195 infeções.

Guimarães ocupa o quarto lugar, com 8.533 contágios, superando o Porto (8.204), isto apesar de ter menos 64 mil residentes do que a Invicta.

Ainda acima dos cinco mil casos acumulados surgem Loures, Matosinhos, Braga, Vila Nova de Famalicão, Amadora, Cascais, Gondomar e Paços de Ferreira.

Área Metropolitana de Lisboa soma mais de 72 mil casos
Os 18 municípios da Área Metropolitana de Lisboa (AML) somam, em conjunto, 72.346 casos confirmados acumulados.

Este valor significa que 2,53% dos 2,86 milhões de residentes na AML estão ou já estiveram infetados.

Os concelhos onde a incidência é mais elevada são Lisboa e Loures, onde pouco mais de 3% da população foi atingida.

Um em cada 28 residentes na Área Metropolitana do Porto infetado
Na Área Metropolitana do Porto (AMP) o total de casos acumulados desde o início da pandemia é de 61.140, o que corresponde a 3,54% da população.

Estes números significam que cerca de um em cada 28 dos perto de 1,73 milhões de habitantes da AMP já contraíram o vírus.

A situação é mais severa nos municípios de Paredes, com 4,9% da população atingida, Santo Tirso (4,75%), Vila do Conde e Póvoa do Varzim, ambos com cerca de 4,2%. Vale de Cambra, com 2,86% dos residentes infetados, é o único concelho da AMP abaixo dos 3%.

Já só há um concelho livre de covid. Existem 159 municípios acima de 100 casos
De acordo com os dados da DGS, apenas três concelhos, todos nos Açores, ainda não registaram qualquer contágio. Mas, tendo em conta os dados dos serviços de saúde da região autónoma, na verdade apenas o Corvo não registou qualquer caso.

Corvo, Lajes das Flores e Lajes do Pico são os três únicos municípios do país sem qualquer caso reportado pela DGS, que não divulgava os dados por concelhos quando os casos eram inferiores a três. No entanto, os dados dos serviços de saúde regionais açorianos dão conta de dois casos em Lajes das Flores e um em Lajes do Pico. 

Assim, o menor concelho de Portugal, com apenas 464 habitantes, é o único que ainda não foi atingido pela pandemia.

De acordo com os cálculos do Negócios, mais de metade dos 308 municípios de Portugal contabilizaram pelo menos uma centena de casos. São 159 os concelhos acima daquela fasquia.

A 26 de outubro, eram 113 os municípios com pelo menos 100 casos acumulados desde o início da pandemia.
Ver comentários
Saber mais DGS Guimarães Lisboa Sintra Vila Nova de Gaia Porto Braga Paços de Ferreira AML AMP Área Metropolitana Corvo Vila Nova de Famalicão Matosinhos Santo Tirso Paredes Loures casos mapa covid pandemia
Outras Notícias