Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Centeno aponta para preços mais altos e menos temporários que esperado

Segundo um quadro que acompanhava a apresentação do governador, a média das instituições aponta para um IHPC entre 7% e 8% este ano.

O Banco de Portugal, liderado por Mário Centeno, estima que o aumento acentuado dos custos unitários de trabalho em 2020/2021 tenha sido absorvido nas margens de lucro das empresas.
Miguel Baltazar
Lusa 27 de Setembro de 2022 às 14:39
  • Partilhar artigo
  • 3
  • ...
O governador do Banco de Portugal (BdP), Mário Centeno, admitiu esta terça-feira que a inflação vai ser mais elevada e menos temporária, apontando para uma revisão em alta da taxa nas próximas projeções do banco central.

"A inflação vai ser mais elevada e menos temporária do que esperávamos há um ano", disse o governador do BCE, durante o discurso de encerramento da conferência "O impacto da nova ordem mundial na economia europeia", organizada pelo jornal Eco, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa.

Com a atualização das projeções económicas no âmbito do Boletim Económico, previstas para o dia 06 de outubro, Mário Centeno já deixou pistas para uma revisão em alta do Índice Harmonizado de Preços no consumidor (IHPC), que o regulador em junho esperava de 5,9% este ano.

Segundo um quadro que acompanhava a apresentação do governador, a média das instituições aponta para um IHPC entre 7% e 8% este ano.
Ver comentários
Outras Notícias