Economia Sobreiro Assobiador eleito "Árvore Europeia do ano 2018"

Sobreiro Assobiador eleito "Árvore Europeia do ano 2018"

O vencedor do concurso europeu da árvore do ano de 2018 foi revelado esta quarta-feira, em Bruxelas, na presença de 200 participantes. O Sobreiro Assobiador de Águas de Moura, Portugal, ganhou com 26.606 votos.
Sobreiro Assobiador eleito "Árvore Europeia do ano 2018"
UNAC
Negócios 21 de março de 2018 às 18:00

O Sobreiro Assobiador, de Águas de Moura, com 200 anos de idade, deu a Portugal o primeiro lugar no concurso europeu da árvore do ano de 2018.

 

Seguiram-se os Ulmeiros Ancestrais de Cabeza Buey (22.332 votos) e o Ancião das Florestas de Belgorod (21.884 votos).

O Assobiador deve o nome ao som originado pelas inúmeras aves que pousam nos seus ramos. Plantado em 1783, este sobreiro já foi descortiçado mais de vinte vezes. Com 234 anos, o Assobiador está classificado como "Árvore de Interesse Público" desde 1988.

 

Em nome do Sobreiro Assobiador, Nuno Calado, secretário-geral da UNAC - União da Floresta Mediterrânica, recebeu o original troféu de madeira que passa de vencedor a vencedor a cada ano.

 

"Estamos extremamente felizes em trazer reconhecimento a Portugal, através do concurso ‘European Tree of the Year’. Este sobreiro representa uma enorme contribuição para a biodiversidade e os serviços dos ecossistemas, a luta contra as alterações climáticas, além da contribuição para a economia portuguesa", afirmou.

 

Nuno Calado referiu ainda que "o futuro dos sobreiros e dos montados depende dos produtores agroflorestais, da escolha do consumidor por vinhos com rolhas de cortiça e de políticas públicas que possam promover elevados níveis de biodiversidade e atividades económicas sustentáveis".

 

Os vários países reuniram-se em torno das 13 árvores candidatas que competiram pelo título "European Tree of the Year", promovendo os seus candidatos favoritos durante o mês de Fevereiro. Cerca de 200 mil votos foram emitidos durante o período de votação.

 

Além do referido Top 3, seguiram-se os seguintes prémios:

 

4. O castanheiro sobrevivente de Zengovárkony, Hungria

5. O Carvalho Gilwell, Reino Unido

6. Macieira de Bošáca, Eslováquia

7. O Plátano maciço - o símbolo de Trsteno, República da Croácia

8. Sequóias de Yuchbunar, Bulgária

9. Nogueira em Kvasice, República Checa

10. O abeto das bruxas, Lituânia

11. Choupo Helena, Polónia

12. A tília do país antigo, Bélgica

13. Carvalho de Cajvana, Roménia






pub