Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Taxar mais carbono pode tirar até 1,7% ao PIB

Estudo prevê que é preciso aumentar imposto sobre carbono para mais de 30% para que se atinjam as metas climáticas de 2030. Medida provocará um recuo da atividade económica, mas o impacto pode ser menor consoante o destino da receita fiscal arrecadada.

Estudo defende que imposto sobre carbono é “um instrumento eficaz para Portugal reduzir emissões” e alerta para     os custos de uma ação tardia.
Estudo defende que imposto sobre carbono é “um instrumento eficaz para Portugal reduzir emissões” e alerta para os custos de uma ação tardia. João Cortesão
Joana Almeida JoanaAlmeida@negocios.pt 25 de Julho de 2022 às 23:30
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...

A introdução de um imposto sobre o carbono superior ao atual, com vista a atingir as metas climáticas do Acordo de Paris, pode provocar um corte de até 1,7% no produto interno bruto (PIB) português. A conclusão é de um estudo divulgado pelo Banco de Portugal (BdP), que alerta para a necessidade de se aumentar a tributação sobre as emissões poluentes, apesar dos “ impactos negativos” na economia e dos “efeitos

...

Ver comentários
Saber mais Banco de Portugal alterações climáticas taxa carbono
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio