Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Onde vai estar o crescimento mundial em 2019?

Com base nas últimas projeções do FMI, veja os países que em 2019 vão ter crescimentos e de quanto e os que vão ter retração na sua economia.

  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

Em 2018, o FMI apontava para uma redução do produto interno bruto de quatro países – Porto Rico, Sudão do Sul, Venezuela e Guiné Equatorial –, lista que para 2019 aumenta. Além destes mesmos quatro países juntam-se, nas projeções de queda das economias para este ano Barbados, Nicarágua, Nauru, Sudão, mas também o Irão e a Argentina, em ano de eleições presidenciais.

Para o conjunto do ano, o Fundo Monetário Internacional aponta para um crescimento da economia mundial de 3,7% em 2019, o mesmo que projetava para 2018. As últimas projeções foram conhecidas em outubro, revelando uma revisão em baixa face às estimativas de julho que apontavam para um crescimento de 3,9%.

O impacto da guerra comercial entre os Estados Unidos e a China, o abrandamento da economia europeia e a crise em vários mercados emergentes são as cautelas da entidade liderada por Christine Lagarde.

Nas projeções, o FMI vê a maior economia mundial, a dos Estados Unidos, abrandar para 2,5% em 2019, assim como a do bloco europeu. A zona euro deverá crescer 1,9% em 2019, segundo o FMI.


De abrandamento no crescimento fala-se também em relação à China, o que, aliás, está no centro das preocupações. Deverá crescer 6,2% em 2019, uma travagem substancial face ao crescimento de 6,9% atingido em 2017.

Para Portugal, o FMI aponta para um crescimento de 1,8%, abaixo das estimativas do Governo (2,2%).

No mapa pode ver as projeções de crescimento do FMI para 2019.



Ver comentários
Saber mais FMI crescimento economia
Mais lidas
Outras Notícias