Banca & Finanças João Salgueiro: Bruxelas gostava de acabar com todos os bancos portugueses

João Salgueiro: Bruxelas gostava de acabar com todos os bancos portugueses

O ex-presidente da Associação Portuguesa de Bancos, João Salgueiro, afirma que a Direcção-geral da Concorrência europeia é uma direcção-geral anti-concorrência.
A carregar o vídeo ...
Celso Filipe Rosário Lira 21 de maio de 2017 às 12:00

"A União Europeia gostava de acabar com todos os bancos portugueses, penso eu, quanto muito ficava a Caixa. E tudo o que é aparente mostra isso", afirma João Salgueiro.

Na Conversa Capital, um espaço de entrevista conjunto entre o Negócios e a Antena 1, acusa Bruxelas de estar a criar intencionalmente bancos grandes quando foi isso que conduziu à crise de 2008.

O ex-presidente da Associação Portuguesa de Bancos é especialmente crítico para com a Direcção-Geral da Concorrência europeia.

"A Direcção-Geral da Concorrência europeia é uma direcção-geral anti-concorrência, está a adoptar práticas para não haver muita concorrência, para não os maçar muito. Ter poucos bancos na Europa só se justifica pelo facto de eles não quererem lidar com muitos bancos", diz João Salgueiro. 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI