Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Nani Holdings recusa divulgar contratos do Novo Banco

O PSD enviou dois requerimentos ao Fundo de Resolução e à Nani Holdings a pedir a divulgação dos contratos do Novo Banco. O fundo ainda não respondeu, mas a representante da Lone Star no banco já disse não aceitar.

André Kosters/Lusa
Rita Atalaia ritaatalaia@negocios.pt 11 de Junho de 2021 às 12:27
  • Assine já 1€/1 mês
  • 9
  • ...
A Nani Holdings, que representa o fundo Lone Star no capital do Novo Banco, recusa divulgar publicamente os contratos do banco liderado por António Ramalho. 

A decisão foi revelada durante a audição de Vítor Constâncio, antigo governador do Banco de Portugal, pelo deputado do PSD Alberto Fonseca. 

"Soubemos há minutos que a Nani Holdings não aceita a divulgação dos contratos", disse o deputado no início da sua inquirição a Vítor Constâncio, esta sexta-feira, notando que esta decisão é "lamentável". 

De acordo com Alberto Fonseca, "a Nani Holdings prefere continuar a manter este regime de opacidade e de desconsideração pelos portugueses, o que só vem aumentar ainda mais a desconfiança dos portugueses neste negócio de venda".

"Não vamos desistir da divulgação" dos contratos do Novo Banco, referiu, que considera "mais do que legítima". 

Foi durante a audição de Evgney Kazarez, presidente da Nani Holdins, que o PSD desafiou o responsável a permitir a divulgação dos contratos do Novo Banco. O partido enviou depois dois requerimentos à Nani Holdings e ao Fundo de Resolução a pedir que estes documentos fossem divulgados, admitindo que informação confidencial fosse omitida. 

De acordo com o deputado social-democrata, o fundo liderado por Máximo dos Santos ainda não respondeu. Mas a Nani Holdings já disse não aceitar este pedido. 

(Notícia atualizada com mais informação.)
Ver comentários
Saber mais Novo Banco
Outras Notícias