Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Família Glazer quer vender minoria do capital do Manchester United

A Família Glazer está a negociar a entrada de novos investidores no clube britânico.

Reuters
Negócios 17 de Agosto de 2022 às 19:51
  • Partilhar artigo
  • ...

A família Glazer está interessada em vender uma parcela minoritária do capital do Manchester United, numa altura em que aumenta a contestação sobre a sua propriedade do colosso inglês e mundial.

Nos últimos tempos, os donos do clube têm mantido conversações sobre a possibilidade de atrair novos investidores para o seio do clube, segundo informações confidenciais recolhidas pela Bloomberg.


No entanto, segundo a mesma fonte, a família Glazer ainda não está pronta para ceder o controlo total do capital do Manchester United, que está avaliado em cerca de 5 mil milhões de libras.

As conversas prosseguem mas ainda sem fumo branco quanto à hipótese de os Glazer decidirem vender uma participação no clube.

Na órbita do clube sediado em Manchester, estão investidores de renome mundial que tenham a capacidade de colocar novamente o clube nos trilhos do sucesso à semelhança do que sucedeu com o Manchester City em 2008, quando foi adquirido por investidores de Abu Dhabi e com o Chelsea que foi recentemente comprado pelo bilionário americano Todd Boehly que concluiu a aquisição dos londrinos por uma verba a rondar os 4,25 mil milhões de libras.

 

O Manchester United é um dos mais conhecidos e bem sucedidos clubes do futebol mundial, contando no seu palmarés com 13 títulos da Premier League e conseguindo atrair para os seus plantéis estrelas mundiais como Rio Ferdinand, Ruud van Nistelrooy, Nemanja Vidic, Wayne Rooney, Robin van Persie ou Cristiano Ronaldo.

 

A falta de investimento em melhoramentos no centro de treinos da equipa de Manchester em Carrington ou no mítico estádio de Old Trafford, bem como as estratégias implementadas pelos donos do clube têm desagradado aos adeptos que aumentaram a contestação na sequência das duas derrotas sofridas pelo Manchester United nas duas primeiras rondas do campeonato inglês.

Ver comentários
Outras Notícias