Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Tribunal Brasileiro suspende projecto turístico de Vaz Guedes

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região do Brasil decidiu, na passada segunda-feira, suspender as obras do projecto turístico imobiliário de luxo Warapuru Resort& Hotel, promovido por empresas detidas por Diogo Vaz Guedes.

Negócios negocios@negocios.pt 28 de Fevereiro de 2007 às 09:39
  • Partilhar artigo
  • ...

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região do Brasil decidiu, na passada segunda-feira, suspender as obras do projecto turístico imobiliário de luxo Warapuru Resort& Hotel, promovido por empresas detidas por Diogo Vaz Guedes.

O motivo da suspensão é a alegada degradação da Mata Atlântica provocada pelas construções deste empreendimento, avançaram os "sites" dos jornais "Estadão" e "Globo", citados pelo "Diário Económico".

"A partir de vistorias do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis e do próprio Ministério Público Federal, diversas irregularidades foram detectadas, como supressão de vegetação da Mata Atlântica", refere a mesma fonte.

A Harmattan, onde Diogo Vaz Guedes é accionistas, é a promotora do projecto e a NM é a construtora responsável. O empreendimento prevê a construção de 20 villas, 45 bungalows, um hotel, estando previsto um investimento inicial de 30 milhões de euros.

Ver comentários
Outras Notícias