Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

T'Works entra na Península Ibérica com a compra da portuguesa TraductaNet

Empresa alemã dedicada a serviços de tradução adquiriu, no final de dezembro, a TraductaNet. Negócio vai permitir à T'Works entrar na Península Ibérica e estabelecer um elo de ligação com a América Latina, onde a empresa portuguesa tem escritórios.

Pexels
Negócios jng@negocios.pt 14 de Janeiro de 2022 às 13:45
  • Partilhar artigo
  • ...
A empresa alemã T'Works anunciou a compra da empresa portuguesa TraductaNet, especializada em serviços linguísticos e traduções. A aquisição da empresa com sede em Lisboa vai permitir à T'Works entrar na Península Ibérica e estabelecer um elo de ligação com a América Latina.

A aquisição da TraductaNet por parte da T'Works foi concluída a 20 de dezembro de 2021 e a presença da empresa portuguesa de serviços linguísticos na Europa e na América do Sul terá sido um dos motivos que levou à compra por parte da empresa alemã dedicada também a serviços de tradução. 

"Continuamos a aumentar a nossa presença na Europa fora de nossa posição de mercado bem estabelecida na região DACH [países onde a língua alemã é dominante, como é o caso da Alemanha, Áustria e Suíça]", disse Christian Enssner, fundador e sócio-gerente da T'Works. 

A empresa alemã foi criada a partir de uma parceria entre três empresas de serviços linguísticos (Wohanka, Obermaier & Kollegen e Ü-Werk e Enssner Zeitgeist Translations). Em 2019, o grupo adquiriu a Text & Form da Alemanha, a ASI da Áustria e a ProLangua da Alemanha em 2020, e a Lexcelera da França em 2021.

Além da expansão geográfica, Christian Enssner destaca ainda a natureza "ltamente motivada e conhecedora de tecnologia" da equipa da TraductaNet.

Já a TraductaNet foi fundada na década de 1980 e tem escritórios em Portugal e no Brasil. Além dos serviços de tradução que presta regularmente para organizações como a União Europeia e a ONU, a empresa trabalha ainda em várias áreas de especialização como direito, finanças, farmácia, banca, informática e outras. 

O preço da compra não foi divulgado, mas sabe-se que a TraductaNet terá gerado receitas de 2,2 milhões de euros em 2021. A empresa emprega cerca de 210 funcionários a tempo inteiro em 14 locais na Europa e na América do Sul. À semelhança das outras empresas de T'Works, a marca TraductaNet manter-se-á autónoma, mas com gestão do grupo alemão.
Ver comentários
Saber mais Península Ibérica TraductaNet Christian Enssner T'Works América Latina
Outras Notícias