Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Endesa consegue 42 MVA de energia solar na reserva do Alto de Rabagão

A Endesa conseguiu um lote de 42 MVA no leilão solar que decorreu esta terça-feira. A empresa vai investir cerca de 115 milhões de euros na construção do projeto de energia solar fotovoltaica na albufeira do Alto de Rabagão, prevendo que entre em funcionamento em 2026.

Bloomberg
Marta Velho martavelho@negocios.pt 05 de Abril de 2022 às 09:43
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...
A Endesa conquistou uma fatia de 42 MVA de energia solar para explorar na reserva do Alto de Rabagão, no leilão decorrido esta segunda-feira. A informação foi avançada pela elétrica espanhola em comunicado enviado às redações.

A empresa indica que vai investir cerca de 115 milhões de euros na construção do projeto de energia solar fotovoltaica nesta albufeira, prevendo que entre em funcionamento em 2026.

"A Endesa continua a apostar em Portugal, depois do projeto vencedor do Fair Transition Contest no Pego, vamos investir neste projeto inovador de produção renovável", afirmou Rafael González, da Endesa, em comunicado.

Há cerca de duas semanas, a empresa espanhola anunciou ter vencido o concurso para o Pego, em Abrantes, ao conquistar o direito de ligação de 224 MVA para instalar 365 MWp de energia solar, 264 MW de energia eólica com armazenamento integrado de 1688,6 MW e um eletrolizador de 500 kW para a produção de hidrogénio verde, num investimento total de 600 milhões de euros.

O leilão de 263 megawatts (MW) para instalação e exploração de centrais fotovoltaicas em sete barragens do país, cujo prazo para apresentação de propostas terminou a 2 de março, decorreu esta segunda-feira, tendo os concorrentes já sido notificados. Ainda assim, segue-se agora um período de audiência prévia, com os resultados finais a ser publicados no dia 19 de abril.

A EDP Renováveis informou esta manhã o regulador do mercado que obteve o direito de ligação à rede de eletricidade para uma capacidade de 70 MVAs no Alqueva, conseguindo a maior fatia da barragem.
Ver comentários
Saber mais Endesa Alto de Rabagão Pego economia negócios e finanças energia
Outras Notícias