Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Produção da EDP Renováveis cai quase 10% no semestre

Em junho, a EDPR tinha 2,3 GW de nova capacidade em construção.

Ana Batalha Oliveira anabatalha@negocios.pt 09 de Julho de 2020 às 18:21
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A EDP Renováveis aponta que, no fimal do primeiro semestre, a produção de eletricidade ficou 9% abaixo daquela registada nos primeiros seis meses do ano anterior.

No primeiro semestre, a EDP Renováveis recuou 9% na produção de eletricidade, para um total de 14.664 gigawatts por hora, lê-se no documento divulgado esta quinta-feira, no site da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

As operações na Europa, América do Norte e Brasil geraram 35%, 63% e 2% do total da produção, respetivamente. No Velho Continente, a a geração decresceu 23% em termos homólogos, refletindo o impacto da desconsolidação de 997 MW em julho do ano passado. Portugal e Espanha foram os territórios europeus nos quais houve as maiores quebras.

Fora da Europa, o Brasil destaca-se com um deslize de 44%, devido à desconsolidação no 1T20 de 137 MW relativos ao sell-down dos parques eólicos Babilonia, explica a empresa.

Em junho de 2020, a EDPR geria um portfólio de 11,4 GW: 4,6 GW na Europa, dos quais quase metade está instalado em Espanha, 6,5 GW na América do Norte e 0,3 GW no Brasil. Do total de 11,4 GW, 284 MW são de energia solar e 11.154 MW de energia eólica onshore.

No mesmo mês, a EDPR tinha 2,3 GW de nova capacidade em construção, dos quais 1.800 MW relacionados com eólico onshore, 200 MW de solar e 330 MW de participações minoritárias em projetos offshore.

Ver comentários
Saber mais EDP Renováveis Europa América do Norte Espanha EDPR economia negócios e finanças Informação sobre empresas energia
Mais lidas
Outras Notícias