Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lucros da Altri recuam para 77 milhões em 2016

A descida dos preços da pasta no ano passado penaliza os resultados do Altri. Depois da Europa, a China é o segundo mercado de vendas do grupo.

A carregar o vídeo ...
Maria João Babo mbabo@negocios.pt 03 de Março de 2017 às 19:13
  • Partilhar artigo
  • 3
  • ...

A Altri apresentou em 2016 um resultado líquido de 77 milhões de euros, o que corresponde a um recuo de 34,6% face aos 117,7 milhões que a produtora de pasta e papel registou um ano antes.

A queda foi inferior à esperada pelos analistas do CaixaBI, que apontavam para um recuo de 37,8% no lucro e de 10,9% nas receitas. 

Em comunicado a empresa explica que os resultados "foram afectados sobretudo pela contínua descida dos preços de pasta papeleira do tipo BHKP, ainda que no quarto trimestre se tenha verificado alguma recuperação". A descida do preço médio face a 2015 foi de 11,1%.

As receitas totais da Altri atingiram 612,5 milhões de euros no ano passado, valor que corresponde a um decréscimo de 7,9% face a 2015. O grupo ultrapassou 1,031 milhões de toneladas produzidas.

Como sublinha, no ano passado a empresa reforçou o seu perfil exportador ao colocar nos mercados externos 959,2 mil toneladas, valor que representa uma subida de 2,2% face ao ano anterior e que corresponde a 93% do total das suas vendas.

O volume de vendas ao exterior atingiu, em 2016, 481,2 milhões de euros, continuando o principal destino das vendas da Altri a ser a Europa, que excluindo Portugal representou 68% das vendas. O segundo mercado mais relevante, acrescenta, foi a China, sendo o destino de 12% do total da pasta de papel.

Os custos operacionais do grupo registara, por seu lado, um acréscimo de 0,3% para 445 milhões de euros.

O EBITDA recuou 24,3% para 167,5 milhões de euros, enquanto a margem  EBITDA desceu 6 pontos percentuais para 27,3%.

A Altri realizou investimentos totais de cerca de 45 milhões de euros ao mesmo tempo que reduziu o seu endividamento líquido de 442,8 milhões no final de 2015 para 438,6 milhões de euros em 2016.

A empresa recorda que ainda que já no início deste ano, através das suas subsidiárias Celbi e Celtejo, celebrou com o Estado dois contratos de investimento.

O montante do investimento contratado na Celbi foi de 40 milhões de euros e tem por finalidade melhorias ao nível do processo produtivo, nomeadamente no descasque e destroçamento de madeira e na lavagem e branqueamento de pasta.

Na Celtejo o montante do investimento contratado foi de 85 milhões de euros e tem como objectivo a inovação e a sustentabilidade económica e ambiental da unidade fabril com intervenções ao nível da caldeira de recuperação, instalação de redução de vapor e estação de tratamento de águas residuais industriais.

As acções da Altri encerraram a sessão desta sexta-feira a cair 1,04% para 4,37 euros.

Ver comentários
Saber mais Altri Celbi Celtejo economia negócios e finanças indústria transformadora papel e embalagem Informação sobre empresas
Outras Notícias