Tecnologias Mnuchin: Libra do Facebook está muito longe de poder ser aprovada. França quer bloquear moeda

Mnuchin: Libra do Facebook está muito longe de poder ser aprovada. França quer bloquear moeda

O secretário do Tesouro dos EUA disse que a nova moeda digital proposta por Mark Zuckerberg ainda tinha um longo caminho por percorrer para ser aceite. Também hoje, o primeiro-ministro francês disse que ia bloquear a sua entrada na Europa.
Mnuchin: Libra do Facebook está muito longe de poder ser aprovada. França quer bloquear moeda
Reuters
Gonçalo Almeida 12 de setembro de 2019 às 16:04

Steven Mnuchin disse que os EUA estiveram em conversações com a equipa que desenvolveu o projeto da Libra do Facebook, e para ser aprovada na maior economia do mundo, "tem que corresponder a condições muito sérias", para garantir que não seja usada em financiamento terrorista ou lavagem de dinheiro.

O secretário do Tesouro norte-americano adiantou que para além de não se alinharem com as condições definidas, não planeiam sequer fazê-lo. "Acho que ainda têm um longo caminho pela frente", concluiu.

Ainda hoje, o primeiro-ministro francês Bruno Le Maire disse que iria bloquear a entrada da moeda na Europa, uma vez que é uma ameaça para "a soberania monetária" dos governos.

"A Libra representa um risco sistémico a partir do momento em que tem dois mil milhões de utilizadores. Qualquer quebra no funcionamento da moeda digital poderia criar uma disrupção financeira considerável", disse Le Maire.

Acrescentou que "todas estas preocupações sobre a Libra são sérias. Nestas condições não podemos autorizar o desenvolvimento da moeda em solo europeu".

O projeto da moeda digital da rede social, em junho deste ano, está a ser escrutinado pelas entidades que vigiam a concorrência na União Europeia, segundo a Bloomberg. Os reguladores estão a "investigar um comportamento potencial de anticoncorrência" da Libra. 

A autoridade adiantou que a Libra representa um potencial desafio que os reguladores monetários nunca enfrentaram, uma vez que não conseguiriam nem controlar, nem gerir a moeda digital.

O Facebook prometeu colmatar as falhas antes de lançar a Libra - um processo que se poderá arrastar durante muito tempo. O seu lançamento está planeado para o próximo ano.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI