Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Robôs vão substituir 800 milhões de empregos em todo o mundo

Com os avanços da tecnologia de automação estão em risco 800 milhões de empregos em todo o mundo.

Negócios jng@negocios.pt 20 de Outubro de 2020 às 13:30
  • Partilhar artigo
  • 6
  • ...

Os avanços da tecnologia de automação ameaçam 800 milhões de empregos, especialmente os ligados ao setor industrial. Cerca de um quarto da força de trabalho mundial será, de acordo com as estimativas da Bloomberg Economics, substituída por robôs.

Os economistas Ziad Daoud e Scott Johnson revelaram, num relatório divulgado esta terça-feira, que 800 milhões de pessoas têm os seus postos de trabalho em risco de se tornarem obsoletos.

A República Checa, a Eslováquia e o Japão são os países mais vulneráveis às disrupções da automação, de acordo com os economistas. Isto ocorre pelo facto destes países terem um grande segmento da força de trabalho dedicada a funções simples e rotineiras, que podem facilmente ser substituídas por máquinas, ou que já contam com uma mão-de-obra muito barata, esclareceram Daoud e Johnson à Bloomberg.

O desenvolvimento da tecnologia de automação leva a que aumentem as desigualdades económicas. Apesar de se acreditar que os robôs iriam substituir principalmente os empregos de baixa qualificação, os economistas creem que os mesmos irão também ser utilizados para outras funções mais exigentes, o que irá afetar a distribuição da riqueza e gerar um efeito de polarização.

Contudo, nem tudo são más notícias. Alguns dos países com uma população muito envelhecida irão recorrer à tecnologia de automação para compensar os efeitos demográficos que afetam as suas economias, reforçaram Daoud e Johnson.

Ver comentários
Saber mais Ziad Daoud Bloomberg Economics Scott Johnson economia negócios e finanças tecnologia de automação tecnologia
Outras Notícias