Telecomunicações Apritel: Preços das telecomunicações em Portugal são 34% inferiores à média europeia

Apritel: Preços das telecomunicações em Portugal são 34% inferiores à média europeia

A associação que representa as operadoras encomendou estudo a Deloitte para poder comparar "maças com maças". 
Apritel: Preços das telecomunicações em Portugal são 34% inferiores à média europeia
Sara Ribeiro 13 de novembro de 2019 às 11:44

"Portugal tem os segundos preços mais baratos da Europa quando comparado o poder de compra entre os diferentes países". A afirmação é de Pedro Mota Soares, secretário-geral da Apritel, associação que representa as operadoras de comunicações, e tem por base as conclusões do estudo da Deloitte.

 

Segundo o estudo encomendado pela Apritel à consultora, os preços dos pacotes de serviços de telecomunicações que incluem televisão, internet e telefone fixo (3P) em Portugal são 34% inferiores à média europeia que se situa em 58 euros, sendo só superado por França. Analisando os pacotes 4P (que incluem voz móvel) são 20% mais baratos. Estes dois serviços representam 83% dos serviços de telecomunicações.

 

O objetivo do estudo "não é contrapor" outros dados, como os que costumam ser divulgados pela Anacom com base nos números do Eurostat e que apontam para conclusões contrárias. "Este é um estudo que compara o que é comparável. maças com maças. E não maçãs com peras", explicou Pedro Mota Soares.

 

"Com esta análise, a Apritel quer responder à questão: quanto gastaria por mês um consumidor que, saindo de Portugal para um país da União Europeia, quisesse manter o mesmo nível de serviço", acrescentou. 

 

Além deste ponto e da paridade do poder de compra, outro dos indicadores que a Deloitte usou e que difere dos dados do Eurostat prende-se com o facto de analisar os pacotes 3P e 4P com ofertas semelhantes, como por exemplo no número de canais ou velocidade da internet.  

 

Partindo desta metodologia, a Deloitte comparou estes dados em 10 países europeus "que mais se assemelham a Portugal", defendeu o responsável. A Alemanha, Áustria, Bélgica, Espanha, Estónia, França, Hungria, Irlanda, Países e Reino Unido integraram esta lista.

 

Do lado oposto do ranking, dos mercados com os preços mais elevados face à média europeia, encontram-se a Bélgica e o Reino Unido nos pacotes 3P e Hungria e Países Baixos no 4P.

 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI