Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Mercado vai "penalizar" empresas devido à crise política em Portugal

O presidente da EuroAtlantic acredita que a crise política que resultou do chumbo do Orçamento do Estado vai levar a uma "desconfiança" da parte dos mercados internacionais em relação às empresas portuguesas.

A carregar o vídeo ...
  • Partilhar artigo
  • 7
  • ...
A crise política em que Portugal se encontra vai ter consequências para as empresas, considera o presidente da EuroAtlantic. Particulamente no que diz respeito às empresas do setor da aviação, haverá uma "penalização", da parte do mercado financeiro, na hora de fazer concretizar investimentos ou conceder financiamentos.

Eugénio Fernandes fala em entrevista ao Negócios e à Antena 1, que será publicada, na íntegra, esta segunda-feira. "As nossas empresas, e falando no meu setor, trabalham muito com o exterior. E o exterior olha para nós com desconfiança. No caso da aviação, com o "leasing" de aviões, funcionamos muito com o mercado financeiro internacional. Com as crises políticas, o mercado olha para nós com alguma desconfiança e penaliza-nos", diz o responsável.

Essa penalização, detalha, traduz-se de várias formas: "Em suspensão de investimentos, em agravamento das condições comerciais para os financiamentos, até em termos de oportunidades. A carga fiscal em Portugal é elevadíssima e faz com que as empresas estejam sob pressão. Os nossos parceiros até podem ter alguma dúvida de que consigamos cumprir com os contratos".
Ver comentários
Outras Notícias