Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Mário Ferreira ganha 10 milhões com a venda do Hotel Porto Monumental

O novo cinco estrelas do Porto, onde o dono da Douro Azul investiu 28 milhões de euros, foi vendido aos franceses da Maison Albar por 38 milhões. O cheque deverá ser assinado na terceira semana deste mês. O hotel abre a 1 de Novembro.

Mário Ferreira investiu 28 milhões de euros na construção do Hotel Porto Monumental e vendeu-o por 38 milhões.
Rui Neves ruineves@negocios.pt 03 de Outubro de 2018 às 13:27
  • Assine já 1€/1 mês
  • 7
  • ...

Cinco anos depois de ter comprado o edifício Monumental ao BES, que reconverteu num hotel de cinco estrelas, num investimento de cerca de 28 milhões de euros, Mário Ferreira vendeu o Monumental Palace Hotel aos franceses da Maison Albar por 38 milhões de euros.

 

O grupo gaulês Paris Inn Group, dono da cadeia hoteleira de luxo Maison Albar, aceitou pagar "500 mil euros por quarto. O hotel tem 76 quartos. Agora faça as contas", disse o empresário ao Negócios, esta quarta-feira, 3 de Outubro, no final da apresentação aos jornalistas do rebaptizado Maison Albar Hotel Porto Monumental.

 

O dono da Douro Azul encaixou assim uma mais-valia de "cerca de 10 milhões de euros", confirmou o empresário, ainda ao Negócios, adiantando que está prevista a entrega do hotel aos novos donos "entre os próximos dias 15 e 20 deste mês", altura em que deverá ser passado "o cheque".

 

Situado na "sala de visitas" do Porto, em plena Avenida dos Aliados, o hotel tem 76 quartos, incluindo quatro suites, um restaurante, café, bar e um spa com piscina. Os quartos mais baratos custam cerca de 300 euros por noite e os mais caros 800 euros.

 

A construção do hotel foi demorada e polémica devida ao choque entre o promotor e o construtor.

 

Liderada pela Soares da Costa, a obra entrou em derrapagem devido aos problemas financeiros da construtora. Os CEO de ambas as partes entraram em despique, numa novela de contra-acusações que se arrastou ao longo do ano passado.

 

Assim, a abertura do hotel atrasou-se dois anos e os custos engordaram oito milhões face aos 20 milhões de euros inicialmente orçamentados.

 

Afastada a Soares da Costa, Mário Ferreira adjudicou a conclusão da construção do hotel, em Novembro passado, à construtora Alberto Couto Alves.

O Maison Albar Hotel Porto Monumental, que abre a 1 de Novembro, conforme o Negócios tinha já avançado, resulta de um projecto de recuperação de um imóvel neoclássico datado de 1923.

Ver comentários
Saber mais mário ferreira douro azul hotel porto monumental maison albar paris inn group soares da costa alberto couto alves
Mais lidas
Outras Notícias