Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Genesis Asset Managers aliena e deixa de ter participação qualificada na Jerónimo Martins

A retalhista portuguesa comunicou à CMVM que o Genesis Asset Managers reduziu a sua posição no capital social da Jerónimo Martins para menos de 2%, deixando de deter uma participação qualificada na cotada portuguesa.

Negócios jng@negocios.pt 25 de Março de 2019 às 18:42
O fundo de investimento Genesis Asset Managers deixou de deter uma participação qualificada na Jerónimo Martins, segundou revelou a retalhista portuguesa em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) já depois do encerramento da negociação bolsista desta segunda-feira, 25 de março. 

Na nota enviada ao regulador, a dona dos supermercados Pingo Doce refere ter hoje recebido a comunicação por parte daquele fundo de investimento de que, na sequência de uma operação de alienação realizada a 19 de março, o Genesis Asset Managers passou a deter uma posição de 1,92% no capital social da Jerónimo Martins. 

Isto significa que o Genesis Asset Managers já não detém uma participação qualificada na cotada portuguesa. O comunicado não especifica qual a posição detida pelo Genesis Asset Managers antes daquela operação, sendo que a 31 de dezembro do ano passado o fundo detinha uma participação de 2,441% na empresa portuguesa.

A Jerónimo Martins encerrou a sessão bolsista desta segunda-feira a recuar perto de 1% para 13,135 euros por ação, uma queda registada apesar de a retalhista ter sido incluída pelo CaixaBank BPI na sua lista de preferidas para a Península Ibérica. A Jerónimo Martins beneficia de uma avaliação de 16,50 euros, o que confere às ações um potencial de valorização próximo dos 25%.
Ver comentários
Saber mais Jerónimo Martins CMVM Genesis Asset Managers CaixaBank BPI Pingo Doce
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio