Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Jerónimo Martins paga dividendo de 20,7 cêntimos a partir de 15 de julho

A retalhista decidiu em maio propor um corte de 40% nos dividendos inicialmente previstos devido ao impacto da pandemida da covid-19.

Lusa
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...
Os acionistas da Jerónimo Martins aprovaram esta quinta-feira a proposta do Conselho de Administração para a distribuição de um dividendo bruto de 20,7 cêntimos por ação, um valor 40% abaixo dos 34,5 cêntimos inicialmente propostos, indicou a dona do Pingo Doce em comunicado à CMVM.

O pagamento do dividendo ocorrerá a partir de 15 de julho, passando as ações da cotada do PSI-20 a serem transacionadas sem direito ao mesmo a partir de 13 de julho.

A 13 de maio, a empresa liderada por Pedro Soares dos Santos indicou que optou por "rever a proposta de distribuição de dividendos inicialmente apresentada, reduzindo excecionalmente o payout a 30% dos resultados consolidados."

 

Assim, em vez da proposta de 216,8 milhões de euros anunciada anteriormente, a Jerónimo Martins vai distribuir dividendos no montante de 130,1 milhões de euros.

 

Aquando do anúncio da alteração à proposta de dividendos, a retalhista assinalava que apesar da "resiliência e capacidade de resposta demonstradas pelas insígnias" da Jerónimo Martins, a empresa decidiu aplicar este corte nos dividendos  devido ao "contexto adverso e marcado por elevada incerteza e dinamismo".

  

Apesar do corte, o Conselho de Administração da Jerónimo Martins "não exclui a possibilidade de vir a propor, com base nas reservas livres da sociedade, a distribuição, até ao final do ano, do valor da diferença para o payout de 50% inicialmente previsto, se a evolução da situação epidemiológica e os seus impactos o permitirem".

 

Ao novo dividendo de 20,7 cêntimos corresponde uma rendibilidade de 1,3%. As ações fecharam hoje nos 15,78 euros.

Ver comentários
Saber mais jerónimo martins dividendos covid
Mais lidas
Outras Notícias