Weekend Populismo em Portugal? Para já, não
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Populismo em Portugal? Para já, não

Em Portugal, parece não haver terreno propício para que a semente do populismo dê fruto. Esta é a conclusão de um estudo de dois investigadores do Instituto Português de Relações Internacionais da Universidade Nova de Lisboa. Marco Lisi e Enrico Borghetto analisaram os manifestos eleitorais dos maiores partidos com assento parlamentar durante duas décadas. Segundo os académicos, foi à esquerda que houve uma tentativa de ir por essa via, em 2011, quando o país vivia num turbilhão económico e social. Depois, BE e PCP arrepiaram caminho.
Populismo em Portugal? Para já, não
Para Enrico Borghetto e Marco Lisi, o Chega, de André Ventura, tem uma "retórica antipolítica, de protesto". No fundo, é "uma estratégia mediática".
Miguel Baltazar
Filipa Lino 16 de março de 2019 às 11:00

Na Europa, há cada vez mais casos de líderes populistas que estão a chegar ao poder, mas em Portugal parece não haver "ambiente" para que esse tipo de discurso caia em terra fértil. Foi esta aparente imunidade ao

)

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI