Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Trump e líderes do Congresso terminam reunião sem sinais de progresso para fim do shutdown

O presidente dos Estados Unidos e os líderes democratas e republicanos no Congresso vão voltar a reunir-se na sexta-feira com o objetivo de colocarem um ponto final no shutdown que se prolonga há 12 dias.

Reuters
Rita Faria afaria@negocios.pt 02 de Janeiro de 2019 às 23:24
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

Os líderes democratas e republicanos no Congresso saíram da reunião com o presidente Donald Trump esta quarta-feira, 2 de janeiro, sem dar quaisquer sinais de progressos para pôr fim ao "shutdown" do governo, que já vai no seu 12º dia.  

 

No final do encontro, o líder republicano da Câmara dos Representantes, Kevin McCarthy, disse aos jornalistas que Trump pediu aos líderes do Congresso que voltem à Casa Branca na sexta-feira para retomarem as conversações com o objetivo de colocar um ponto final na paralisação.

 

Já os democratas anunciaram que vão prosseguir com o seu plano de votar, na quinta-feira – dia em que assumem o controlo da Câmara dos Representantes - um conjunto de decretos que poriam fim ao shutdown sem providenciar o dinheiro que Trump pretende para a construção de um muro na fronteira com o México.

 

"Pedimos ao presidente que abra o governo", disse aos jornalistas a democrata Nancy Pelosi, acrescentando que a legislação que será apresentada na Câmara dos Representantes já havia garantido o apoio no Senado, que continuará nas mãos dos republicanos no novo Congresso.

 

A exigência de Trump de um financiamento de 5 mil milhões de dólares para a construção de um muro ao longo da fronteira entre os EUA e o México desencadeou a paralisação que afetou cerca de um quarto do governo federal e 800.000 trabalhadores federais.

 

Antes de se reunir com os líderes do Congresso, Trump disse que a paralisação duraria "o tempo que fosse necessário", até que o financiamento para o muro seja incluído na legislação para reabrir as agências governamentais, que ficaram sem financiamento a 22 de dezembro.

 

"Pode ser um longo tempo", disse Trump aos jornalistas numa reunião com o governo, "ou pode ser rápido".

Ver comentários
Saber mais Donald Trump shutdown Congresso
Mais lidas
Outras Notícias