Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Trump exclui de contratos federais empresas que deslocalizam produção para a China

O presidente dos Estados Unidos endureceu a posição contra Pequim e admite mesmo uma dissociação (decoupling) das duas maiores economias mundiais.

CARLOS BARRIA
Negócios jng@negocios.pt 07 de Setembro de 2020 às 20:14
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...
O presidente norte-americano indicou esta segunda-feira que a Casa Branca vai proibir contratos federais com empresas que deslocalizem produção para a China ou que recorram ao "outsourcing" para aquele país.

Numa conferência de imprensa no feriado do "Labor Day", Donald Trump afirmou que brevemente as companhias que tenham deslocado produção ou outras operações para a China serão "banidas" dos contratos federais.

No mês passado, o presidente dos EUA tinha prometido créditos fiscais significativos para as empresas americanas que abandonassem operações na China e as recolocassem nos Estados Unidos.

Adicionalmente, Trump defendeu esta segunda-feira que os EUA poderiam dissociar-se (proceder ao decoupling) por completo da China sem sofrer perdas monetárias.

"Perdemos milhares de milhões de dólares e se não fizéssemos negócios com eles [a China] não perderíamos milhares de milhões de dólares. Chama-se dissociação (decoupling) e podemos começar a pensar nisso", afirmou.

A avançar, esta dissociação colocaria as duas maiores economias mundiais de "costas voltadas".

Ver comentários
Saber mais Donald Trump China Casa Branca outsourcing banir contratos decoupling dissociação
Outras Notícias