Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Sondagem: Aliança sobe para 1,6% mas ainda está atrás do PAN

O recém-criado partido liderado por Santana Lopes aparece na sondagem da Aximage com 1,6% das intenções de voto, o que significa que está um ponto percentual atrás do PAN.

António Cotrim/Lusa
David Santiago dsantiago@negocios.pt 19 de Fevereiro de 2019 às 08:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...

O crescendo mediático da Aliança traduz-se também no aumento das intenções de voto do partido fundado por Pedro Santana Lopes, contudo é ainda insuficiente para superar o PAN.

Segundo a sondagem da Aximage para o Negócios e o Correio da Manhã, a Aliança consegue 1,6% no barómetro de fevereiro, o que corresponde a uma subida de meio ponto percentual face a janeiro.

O partido de Santana Lopes permanece assim atrás do PAN, isto apesar de a força liderada pelo deputado André Silva recuar um ponto percentual relativamente a janeiro, de 3,5% para 2,5%.

A Aximage frisa que as intenções de voto das forças com menor expressão eleitoral, em particular do PAN e da Aliança "devem ser lidas a mero título indicativo dado o valor muito reduzido das respetivas bases". E sublinha que até ao barómetro de dezembro as intenções do PAN e da Aliança estavam incluídas nos novos brancos e nulos.

A sondagem realizada entre os dias 5 e 10 de fevereiro permite aferir somente de forma parcial o eventual impacto provocado pelo primeiro congresso da Aliança, realizado no dia 9 deste mês, em, Évora.

Para lá daqueles dois partidos, o barómetro da Aximage de fevereiro apresenta tendências distintas à esquerda e à direita. PS e CDU (PCP e Verdes) caem respetivamente para 36,4% e 6,3%. O Bloco de Esquerda mantém-se próximo dos 9% (8,9%).

À direita, o PSD avançou ligeiramente para 24,4% e o CDS regista uma evolução praticamente nula parta se fixar nos 9,3%.

Ver comentários
Saber mais Aliança PAN Aximage Sondagem André Silva CDU PCP CDS PS PSD Verdes Bloco de Esquerda
Mais lidas
Outras Notícias