Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Ferro Rodrigues ausente da final da Taça de Portugal

O presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues, vai estar ausente da final da Taça de Portugal em futebol, entre o Sporting e o Desportivo das Aves, disse à Lusa fonte do seu gabinete.

O presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, lembra o antigo Presidente da República Mário Soares como 'um grande português' e um dos fundadores da democracia em Portugal. 'É com grande pesar que tomo conhecimento do falecimento de Mário Soares. É costume dizer-se dos grandes políticos que a sua vida se confunde com a do tempo histórico que viveram. No caso de Mário Soares, não será exagerado dizer que é o último quartel do século XX português que se confunde com ele', lê-se numa mensagem de Ferro Rodrigues, divulgada no 'site' do parlamento. Sublinhando que 'Mário Soares foi um Grande Português', o presidente da Assembleia da República recorda a forma como o antigo chefe de Estado lutou pela democracia antes e depois do 25 de Abril.
'Se a nossa geração já fez política em democracia, se as gerações dos meus filhos e netos já cresceram num país livre, democrático e europeu, a ele muito o devemos', lê-se na mensagem, onde Ferro Rodrigues lembra também que Mário Soares, como líder político e deputado à Assembleia Constituinte, foi um dos fundadores da democracia portuguesa, iniciada pelo Movimento das Forças Armadas a 25 de Abril de 1974. O presidente da Assembleia da República fala, ainda, da forma como Mário Soares prestigiou o parlamento e o parlamentarismo como deputado à Assembleia da República e como esteve por detrás de grandes conquistas, como a criação do Serviço Nacional de Saúde, da Concertação Social e da adesão à então Comunidade Económica Europeia, enquanto primeiro-ministro.
'Como Presidente da República, afirmou Portugal e prestigiou o Estado, abrindo a presidência à sociedade e à cultura. O Portugal democrático, europeu e cosmopolita é o país de Mário Soares', é ainda referido na missiva. Na mensagem, Ferro Rodrigues transmite também em nome da Assembleia da República as 'mais sentidas condolências à família e amigos mais próximos' e 'a todo o Partido Socialista'.
Sábado
Lusa 18 de Maio de 2018 às 22:13
  • Assine já 1€/1 mês
  • 9
  • ...

"Podemos confirmar a ausência. Tendo em contas as notícias e tudo o que aconteceu, (Ferro Rodrigues) pensa que o jogo não se devia realizar como se nada tivesse acontecido", disse à Lusa fonte do gabinete do presidente da Assembleia da República.

 

O presidente da Assembleia da República, que é sócio do Sporting desde que nasceu, condenou na quarta-feira a "situação gravíssima" de violência no treino de futebol do clube e apelou a "medidas sérias" da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e do Governo.

 

Ferro Rodrigues afirmou também que "não pode ficar impune quem deu passos" no sentido da existência de "ódio, fanatismo e corrupção" no desporto, acrescentando que o ocorrido "ofende o país", referindo-se à "perversidade autoritária e totalitária" de dirigentes desportivos e "alguma comunicação social fanática".

 

Sobre a realização da final da Taça de Portugal de futebol, marcada para domingo, no Estádio Nacional, Ferro Rodrigues adiantou na ocasião que não o chocaria que o jogo entre Sporting e Desportivo das Aves fosse realizado à porta fechada ou na Vila das Aves.

 

O presidente do Sporting, numa nota enviada à agência Lusa, anunciou depois que ia mover um processo contra o presidente da Assembleia da República, comentadores e jornalistas por o terem "difamado e caluniado", após os actos de violência em Alcochete.

 

Na terça-feira, cerca de 50 pessoas, de cara tapada, alegadamente adeptos 'leoninos', invadiram a Academia de Alcochete e, depois de terem percorrido os relvados, chegaram ao balneário da equipa principal, agredindo vários jogadores, entre os quais Bas Dost, Acuña, Rui Patrício, William Carvalho, Battaglia e Misic, o treinador Jorge Jesus e outros membros da equipa técnica.

 

A GNR anunciou que efectuou 23 detenções, apreendeu cinco viaturas e recolheu depoimentos de 36 pessoas, entre jogadores, equipa técnica, funcionários e vigilantes ao serviço do Sporting, na sequência da invasão à academia do clube, em Alcochete.

 

A equipa principal do Sporting cumpria o primeiro treino da semana, depois da derrota no terreno do Marítimo (2-1), que relegou a equipa para o terceiro lugar da I Liga, iniciando a preparação para a final da Taça de Portugal, marcada para domingo, diante do Desportivo das Aves, no Estádio Nacional, em Oeiras.

Ver comentários
Saber mais Sporting Federação Portuguesa de Futebol Ferro Rodrigues Academia de Alcochete Estádio Nacional Desportivo das Aves Taça de Portugal Bas Dost Acuña Rui Patrício William Carvalho Battaglia Misic Jorge Jesus futebol
Outras Notícias