Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Sondagem: Maioria esmagadora defende saída de Bruno de Carvalho do Sporting

No barómetro da Aximage para o Negócios e o Correio da Manhã, 87,6% dos inquiridos é da opinião que o actual líder leonino devia resignar ao cargo.

Celso Filipe cfilipe@negocios.pt 17 de Junho de 2018 às 08:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • 68
  • ...

Bruno de Carvalho deve sair da presidência do Sporting. Esta é opinião, quase unânime dos inquiridos do barómetro da Aximage realizado para o Negócios e o Correio da Manhã. Questionados sobre o que deve fazer Bruno de Carvalho depois de tudo o que se tem passado, 87,6% dos inquiridos é da opinião que o líder desportivo deve abandonar o clube de Alvalade. Em contrapartida, só 9,3% são favoráveis à sua continuação como presidente do clube e 3,1% não tem opinião formada.

Esta sondagem foi realizada entre os dias 9 e 12 de Junho, ou seja, antes de serem conhecidas as últimas três rescisões de jogadores do Sporting (Rafael Leão, Battaglia e Ruben Ribeiro), bem como da decisão do Tribunal da Comarca de Lisboa de proibir a realização de duas assembleias gerais, marcadas para 17 e 21 de Junho, marcadas pela comissão transitória da mesa da assembleia geral nomeada por Buno de Carvalho. Ao invés, o tribunal validou a assembleia geral destitutiva de Sporting de 23 de Junho, agendada pelo presidente demissionário da mesa da assembleia geral do clube, Jaime Marta Soares.

A sondagem revela ainda que, entre os inquiridos segmentados por clube preferido, é no sei dos benfiquistas que é mais predominante a ideia de que Bruno de Carvalho deve sair do Sporting. No universo dos adeptos do clube da Luz, 90,4% considera que é essa a solução. Entre os sportinguistas também existe uma corrente muito expressiva nessa direcção, na medida em que 87,2% defende a demissão do líder leonino. Já os maiores defensores da continuidade de Bruno de Carvalho, na segmentação por clube preferido, são os adeptos do FC Porto, uma visão expressa por 14,7% dos inquiridos.

 

 

FICHA TÉCNICA

Universo: indivíduos inscritos nos cadernos eleitorais em Portugal com telefone fixo no lar ou possuidor de telemóvel.Amostra: aleatória e estratificada (região, habitat, sexo, idade, escolaridade, actividade e voto legislativo) e representativa do universo e foi extraída de um sub-universo obtido de forma idêntica. A amostra teve 602 entrevistas efectivas: 281 a homens e 321 a mulheres; 58 no Interior Norte Centro, 85 no Litoral Norte, 105 na Área Metropolitana do Porto, 109 no Litoral Centro, 167 na Área Metropolitana de Lisboa e 78 no Sul e Ilhas; 94 em aldeias, 167 em vilas e 341 em cidades. A proporcionalidade pelas variáveis de estratificação é obtida após reequilibragem amostral. Técnica: Entrevista telefónica por C.A.T.I., tendo o trabalho de campo decorrido nos dias 9 a 12 de Junho de 2018, com uma taxa de resposta de 75,6%.Erro probabilístico: Para o total de uma amostra aleatória simples com 600 entrevistas, o desvio padrão máximo de uma proporção é 0,020 (ou seja, uma "margem de erro" - a 95% - de 4,00%). Responsabilidade do estudo: Aximage Comunicação e Imagem Lda., sob a direcção técnica de Jorge de Sá e de João Queiroz.

Ver comentários
Saber mais Bruno de Carvalho Sporting sondagem Aximage Benfica Sporting
Outras Notícias