Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Altamira vende palacete no centro histórico de Sintra a investidor estrangeiro

A Altamira vendeu o palacete Quinta da Princesa, no centro histórico de Sintra, a um investidor estrangeiro. A propriedade estava no mercado com um preço de cerca de quatro milhões de euros.

Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 17 de Fevereiro de 2021 às 10:34
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...
A Altamira Asset Management Portugal, gestora de créditos e ativos imobiliários, vendeu a um investidor estrangeiro a Quinta da Princesa, um palacete localizado no centro histórico da vila de Sintra.

A Altamira, detida em 85% pela companhia de serviços financeiros italiana doValue (anteriormente doBank) e em 15% pelo Santander, não revelou o valor da operação, mas o imóvel encontrava-se no mercado com um preço ligeiramente acima de quatro milhões de euros.

De acordo com o comunicado da Altamira, a propriedade, "cujas primeiras edificações remontam ao século XVI", está inserida num terreno com mais de 4 mil metros quadrados, sendo a área bruta privativa de 1.215 metros quadrados, de acordo com os anúncios para a venda do palacete.

"Entre as edificações que a compõe, encontram-se o palacete, bem como mirante, cavalariças, cocheira, estufa e um jardim de fresco – da autoria do botânico real Wenceslau Cifka", indica ainda a Altamira.

O imóvel tem cinco pisos, um dos quais em cave, que era destinado às cavalariças e arrecadação, possuindo um hall, oito salas, um escritório, quatro cozinhas, uma copa, duas despensas, 17 quartos, nove instalações sanitárias e uma sauna, segundo a descrição dos anúncios de venda.

"Esta transação é um sinal positivo que o mercado imobiliário nos dá. O setor residencial tem sido resiliente e está a resistir à pandemia, e são transações desta dimensão que mostram que Portugal continua a ser atrativo para os investidores estrangeiros", refere Eduardo Cerqueira, CEO da Altamira Portugal, citado no comunicado.
Ver comentários
Saber mais Altamira Asset Management Portugal Sintra Altamira Portugal palacete quinta da princesa imobiliário
Outras Notícias