Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Acionistas da Prisa votam venda da Media Capital à Cofina a 29 de janeiro

A venda da Media Capital à Cofina, dona do Jornal de Negócios, Correio da Manhã, CMTV e Record, será votada pelos acionistas da Prisa a 29 de janeiro.

Sara Matos/Negócios
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 27 de Dezembro de 2019 às 10:16
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os acionistas da Prisa irão votar a venda da Media Capital à Cofina, dona do Jornal de Negócios, Correio da Manhã, CMTV e Record, a 29 de janeiro numa assembleia-geral cuja convocatória foi publicada esta sexta-feira.

No passado dia 23 de dezembro, o grupo espanhol e a Cofina reduziram em 19,6% o preço de aquisição da Media Capital, que detém a TVI, e várias rádios, entre as quais a Comercial. Assim, o valor da Media Capital baixou em 50 milhões face aos 255 milhões de euros estimados no acordo celebrado em setembro.

Os novos termos preveem que a Prisa receba 123,9 milhões de euros, menos 27% do que o inicialmente previsto, que somado à dívida da Media Capital resulta num "entreprise value" de 205 milhões de euros.

Esta revisão dos termos surge em simultâneo com o anúncio da Media Capital de que registou lucros de 1,185 milhões de euros entre janeiro e setembro deste ano, uma queda de 90% face aos 12,081 milhões do mesmo período de 2018. Já a Prisa registou prejuízos de 110 milhões de euros nos primeiros nove meses do ano.

No passado dia 11 de dezembro, a Autoridade da Concorrência (AdC) deu parecer favorável a esta compra. O negócio já tinha sido validado anteriormente pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) e pela Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom).

A 21 de setembro, recorde-se, a Cofina anunciou que tinha chegado a acordo com a espanhola Prisa para comprar a totalidade das ações que detém na Media Capital, avaliando a empresa ('enterprise value') em 255 milhões de euros.

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias