Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Ronda de investimento com Fundo Nos 5G e Triple Point garante 4,4 milhões à portuguesa Knok

A tecnológica portuguesa Knok levantou 4,4 milhões de euros numa ronda de investimento coliderada pelo Fundo Nos 5G e pela Triple Point. A Knok é a segunda startup nacional a receber um investimento do fundo criado pela operadora de telecomunicações.

Cátia Rocha catiarocha@negocios.pt 25 de Novembro de 2021 às 11:00
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...
A portuguesa Knok, que desenvolveu uma plataforma que permite fazer consultas através de vídeo, recebeu um investimento de 4,4 milhões de euros. O montante foi recebido através de uma ronda que foi coliderada pelo Fundo Nos 5G e pela Triple Point, contando ainda com a participação do Fundo de Inovação Social e do fundo de impacto social e ambiental MSM (Mustard Seed MAZE).

A Knok é a segunda startup portuguesa a receber um investimento vindo do Fundo Nos 5G. Este fundo, criado pela operadora de telecomunicações Nos e gerido pela Armilar Venture Partners, tem um capital inicial de dez milhões de euros e está especificamente orientado para investimentos ligados a soluções onde a quinta geração de redes móveis pode ter impacto. De acordo com a nota enviada às redações, este fundo "tem como objetivo investir em soluções tecnológicas inovadoras, abrangendo desde a infraestrutura de rede até aos produtos ou serviços para clientes, privilegiando projetos tecnológicos nas primeiras fases de desenvolvimento."

Uma vez que a plataforma da Knok integra ferramentas de apoio à triagem e monitorização remota de pacientes através de inteligência artificial, o 5G poderá ter um papel de relevo nesta área da saúde remota. Além de permitir uma maior velocidade de ligação, o 5G possibilitará uma redução significativa da latência.

Jorge Graça, CTO da Nos, indica que "investir na Knok é um importante marco para o Fundo NOS 5G, o único em Portugal constituído para apoiar startups tecnológicas a retirar o máximo partido das potencialidades do 5G". 

"A saúde é uma das áreas que mais irá beneficiar desta tecnologia, permitindo conectar os melhores especialistas em qualquer parte do mundo com os pacientes, e contribuindo para uma democratização no acesso aos cuidados de saúde. Entusiasma-nos saber que, ao apoiar a Knok no desenvolvimento de soluções que criam valor, conveniência e eficiência para pacientes e médicos, estamos a contribuir para a modernização do setor da saúde e da sociedade", continua o responsável da Nos.

Já José Bastos, CEO e co-fundador da Knok, indica que a empresa "entra numa nova fase de desenvolvimento após o fecho desta ronda de investimento." O montante arrecadado nesta ronda contribuirá para "acelerar a expansão nacional e internacional" da solução, com José Bastos a referir que permitirá reforçar a "a presença em Espanha, Brasil e outros países da América Latina e chegando à Índia, Reino Unido e Itália."

"No nosso caminho para ser a porta de entrada digital nos cuidados de saúde, a Nos é um parceiro tecnológico fundamental, e estamos muito entusiasmados por poder contar com o seu apoio e know-how em 5G que nos permitirá levar o nosso produto para outro nível, tornando-o cada vez mais diferenciado a nível global", explica o co-fundador da Knok.

A startup foi criada em 2015, por José Bastos e por João Magalhães. A plataforma serve mais de dois milhões de pacientes em quatro continentes, permitindo a realização de videoconsultas, recolha de dados de saúde ou ainda marcação de consultas por telefone ou no domicílio.
Ver comentários
Saber mais Knok ronda de investimento Fundo Nos 5G 5G
Outras Notícias