Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Quase 80% das famílias portuguesas já têm telecomunicações de alta velocidade

Os dados da ANACOM indicam que, no último semestre, oito em cada dez novos clientes contrataram um serviço de telecomunicações suportado em redes de fibra ótica.

Miguel Baltazar/Negócios
Marta Velho martavelho@negocios.pt 14 de Setembro de 2021 às 12:45
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

No final do primeiro semestre de 2021, cerca de 78,1% das famílias portuguesas dispunham de subscrições de serviços de telecomunicações de alta velocidade em casa, indica um relatório divulgado esta manhã pela Autoridade Nacional das Comunicações (ANACOM). Oito em cada dez novos clientes contrataram um serviço suportado em redes de fibra ótica.

Lisboa lidera, com uma taxa de penetração 93%, seguida pelos Açores (89,1%), Madeira (87,2%) e Algarve (79,3%). Todas estas regiões registam cotas acima da média nacional. Já o Norte (74,8%), Centro (68,1%), e Alentejo (57,9%) têm percentagens mais baixas, mas registaram um crescimento superior.

O número de clientes residenciais com serviços de cabo ou fibra atingiu os 3,2 milhões, mais 9,3% do que no mesmo período do ano anterior. Estima-se que cerca de 5,8 milhões de alojamentos estavam cablados com uma rede de alta velocidade, o que representa uma subida de 5,3% em relação ao período homólogo.

A cobertura das redes de alta velocidade foi de 90,6%, mais 4,3 pontos percentuais do que no final do primeiro semestre de 2020. A fibra já chega a 87,6% do território nacional, estando a crescer a um ritmo médio anual de 8,7%

O número de alojamentos cablados com acessos de alta velocidade suportados em redes de televisão por cabo aumentou 0,1% face ao semestre homólogo, totalizando 3,7 milhões. A cobertura deste tipo de redes era de 57,5%.

Ver comentários
Saber mais Autoridade Nacional das Comunicações ANACOM telecomunicações
Outras Notícias