Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lisboa falha sentimento positivo na Europa. CTT perdem mais de 1%

O PSI negocia em terreno negativo com quase todas as cotadas no vermelho. A contrariar está a recuperação da Galp.

Os títulos dos CTT perderam fôlego no início do ano, após uma escalada de quase 100% em 2021 que levou a cotada a liderar os ganhos no PSI-20.
Bruno Colaço
Leonor Mateus Ferreira leonorferreira@negocios.pt 08 de Dezembro de 2022 às 08:29
A bolsa de Lisboa arrancou a sessão no vermelho, a contrariar a tendência a nível europeu. O índice PSI cede 0,56% para 5.767,47 pontos com 12 das 15 cotadas no vermelho, com os CTT a liderarem as perdas. A operadora postal recua recua 1,12% para 3,20 euros por ação.

O BCP está também entre as maiores perdas no arranque da sessão, ao ceder 0,75% para 0,1454 euros por ação. Entre os pesos pesados, a EDP e EDP Renováveis seguem a recuar 0,94% e 0,69%, respetivamente.

Os investidores têm uma série de novidades vindas do grupo liderado por Miguel Stilwell d'Andrade. A EDP Renováveis ganhou dois novos projetos nos EUA, enquanto a casa-mãe concluiu a venda da central hidroelétrica de Mascaranhas, no Brasil.

Ainda na energia, a Greenvolt recua 0,25% para 8,04 euros por ação. A Nos cede 0,58%, enquanto, no retalho, a Jerónimo Martins perde 0,29% e a Sonae desliza 0,11%.


Por outro lado, a Galp é uma das cotadas que sobe, aliviando das perdas da última sessão. A petrolífera ainda liderado por Andy Brown avança 0,12% para 11,73 euros, após ter desvalorizado 3,68% na última sessão.

Também a Semapa valoriza, tal como a Navigator que entra esta quinta-feira em ex dividendo, antes de distribuir aos acionistas um dividendo bruto de 21,091 cêntimos por ação a partir de 12 de dezembro.

Ver comentários
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio