Mercados Novos atritos entre China e EUA tiram força a Wall Street

Novos atritos entre China e EUA tiram força a Wall Street

As bolsas norte-americanas abriram a sessão de hoje em queda, pressionadas pelo aumento de tensões entre os EUA e a China. Trump acrescentou oito empresas chinesas à sua lista negra. A China ameaçou retaliar.
Novos atritos entre China e EUA tiram força a Wall Street
Reuters
Gonçalo Almeida 08 de outubro de 2019 às 14:36

Wall Street prepara-se para a segunda sessão consecutiva em queda esta terça-feira, 8 de outubro, em vésperas de um novo encontro negocial entre a China e os EUA, numa altura em que a relação entre ambos se parece ter deteriorado.

O Dow Jones cai 1% para 26.214,55 pontos, o Nasdaq perde 0,76% para 7.896,10 pontos e o S&P500 escorrega 0,67% para 2.919,11 pontos.

As mais recentes notícias dão conta que os Estados Unidos estão a ponderar introduzir restrições ao fluxo de capitais para a China, tendo como alvo preferencial os investimentos feitos pelo fundo de pensões do Governo norte-americano.

Ontem, a administração de Donald Trump anunciou também a inclusão de oito empresas tecnológicas chinesas numa lista negra, acusadas de estarem implicadas em violações dos direitos humanos contra minorias muçulmanas na província de Xinjiang, no extremo oeste da China.

Como resposta às ameaças de Washington, os representantes chineses já prometeram "salvaguardar os seus interesses" e sinalizaram que Pequim deverá "contra-atacar". Segundo um porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros da China, os EUA devem "ficar atentos".

A semear ainda mais pessimismo nos mercados está uma notícia do jornal South China Morning Post que avançou que Xi Jiping diminuiu as expectativas que tem em relação ao novo encontro entre os dois países, marcado para os dias 10 e 11 de outubro.

Hoje, as empresas mais expostas ao comércio entre as duas maiores economias do mundo são as que mais caem. Exemplo disso são as fabricantes de chips, com a Intel e a Nvidia a caírem mais de 1,5%.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI