Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião
Ulisses Pereira ulissespereira@hotmail.com 15 de Outubro de 2018 às 10:17

Corda bamba

As duas últimas semanas foram verdadeiramente infernais na bolsa, com quedas fortes e consecutivas.

  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
(Comente aqui o artigo de Ulisses Pereira)

As duas últimas semanas foram verdadeiramente infernais na bolsa portuguesa. Quedas fortes e consecutivas varreram a praça nacional, com o principal índice português a visitar valores que já não conhecia desde Abril do ano passado.

Depois da quebra do suporte entre os 5.250 e os 5.300 pontos, o PSI afundou-se rapidamente e só susteve as suas quedas naquela que sempre considerei a fronteira entre o "bull" e o "bear market", a zona de suporte entre os 5.000 e os 5.100 pontos. Aqui joga-se muito mais do que uma simples quebra de suporte. Está em jogo a continuação de um "bull market" que, nos últimos dois meses, tem dado sinais de fraqueza.

Dadas as quedas violentas e rápidas das últimas semanas, o PSI encontra-se "sobrevendido", pelo que considero pouco provável que possa haver uma quebra consistente do suporte à primeira tentativa. Acredito, por isso, num ressalto nesta zona. Mas a grande questão para mim (caso o suporte não quebre nesta primeira tentativa) coloca-se num segundo ataque a esta zona e aí o desfecho será bem mais imprevisível.

A bolsa portuguesa está na corda bamba. Os touros começam a ver esfumar-se o seu sonho de um "bull market" duradouro. Os ursos sentem que esta é a grande oportunidade de saírem do longo sono em que se encontravam. Mas não podem atirar foguetes antes da festa, é que o último passo normalmente é sempre o mais difícil. E se é verdade que os touros, neste momento, parecem autênticos equilibristas em cima da corda bamba, ainda não caíram.


Nem Ulisses Pereira, nem os seus clientes, nem a DIF Brokers detêm posição sobre os activos analisados. Deve ser consultado o disclaimer integral aqui


Analista Dif Brokers
ulisses.pereira@difbroker.com



Saber mais Ulisses discos pedidos
Mais artigos do Autor
Ver mais
Outras Notícias