Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Tesla planeia cortar 20% da produção do modelo Y em Xangai

Depois de ter produzido o maior número de carros na fábrica de Xangai em novembro, o futuro incerto e a política de covid-zero estará a pesar na produção da Tesla para os próximos meses.

Diogo Mendo Fernandes diogofernandes@negocios.pt 05 de Dezembro de 2022 às 14:37
A Tesla está a preparar-se para cortar em 20% a produção do modelo Y em Xangai no mês de dezembro. A informação está a ser avançada pela Reuters, que cita fontes próximas do processo.

A decisão surge mesmo depois de os inventários nesta fábrica da Tesla terem aumentado em outubro, após as instalações terem sido atualizadas no verão, chegando a produção de veículos elétricos a atingir a velocidade mais rápida de sempre.

A fabricante de automóveis norte-americana cortou em 9% os preços do modelo 3 e Y na China e ofereceu incentivos de seguros para a aquisição de um automóvel da marca. A estratégia parece ter resultado já que as vendas aumentaram 40% e 89,7% quando comparado com 2021, na China.

Só em novembro, a Tesla vendeu 100.291 carros elétricos produzidos no país, o maior número de vendas desde que a fábrica em Xangai abriu, no final de 2020.

Este corte, que estará alegadamente a ser planeado pela empresa, surge numa altura em que a procura no mercado automóvel tem vindo a diminuir e as cadeias de fornecimento têm registado disrupções.

A incerteza sobre o futuro das medidas relacionadas com a covid-19, nomeadamente as políticas de covid-zero têm tornado difícil prever as vendas dos próximos meses do país que é o maior comprador de carros do mundo. Isto, mesmo com várias cidades a relaxarem algumas das restrições da pandemia.

Entretanto, a Tesla já reagiu e diz que a notícia é "falsa", sem elaborar na resposta.

(Atualizado às 18:30h com reação da Tesla)
Ver comentários
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio