Energia Combustíveis descem em 2018 pela primeira vez em quatro anos

Combustíveis descem em 2018 pela primeira vez em quatro anos

Os preços dos combustíveis ficaram mais baratos em 2018 devido à queda acentuada dos preços no último trimestre.
Nuno Carregueiro 30 de dezembro de 2018 às 19:00

A queda acentuada das cotações do petróleo no último trimestre do ano permitiu que os preços dos combustíveis terminem 2018 abaixo do registado no início do ano. É a primeira vez que tal acontece desde 2014 no caso do gasóleo e desde 2015 no que diz respeito à gasolina.

 

De acordo com os cálculos do Negócios, esta segunda-feira deverá ser registada uma descida de 1,5 cêntimos no preço de venda da gasolina e de 2 cêntimos no gasóleo.

 

A confirmarem-se estas variações, o preço do litro da gasolina simples sem chumbo de 95 octanas deverá recuar para 1,406 euros, segundo os preços médios praticados esta semana em Portugal e que constam no site da Direcção Geral de Energia e Geologia (DGEG).

 

Este preço compara com 1,485 euros por litro no final de 2017, pelo que no acumulado de 2018 o preço da gasolina registará uma descida de cerca de 5%. Trata-se da primeira queda anual desde 2014, ano em que os preços desceram quase 17%.

No caso do gasóleo simples, o preço deverá baixar 2 cêntimos na segunda-feira, colocando o valor por litro em 1,27 euros, ligeiramente abaixo dos 1,285 euros do final de 2017. Trata-se da primeira redução de preços desde 2015, sendo que em 2016 este combustível ficou 17,5% mais caro e em 2017 voltou a subir cerca de 6%.

 

Apesar desta descida de preços, o gasolina está actualmente quase 10% mais cara do que no final de 2014, enquanto o gasóleo ficou cerca de 15% mais caro.

 

Combustíveis ao sabor do petróleo

Os preços dos combustíveis terminam o ano mais baratos do que iniciaram, mas tendo em conta os preços médios, os portugueses até terão suportado uma factura mais elevada a abastecer o automóvel em 2018.

 

É que os preços estiveram a subir durante grande parte do ano e só começaram a baixar a partir de Outubro, altura em que o petróleo entrou em queda livre nos mercados internacionais. O Brent em Londres cai perto de 40% no trimestre, levando a matéria-prima a registar perdas anuais de cerca de 20% em 2018.  

 

No início de Outubro o gasóleo chegou a ser vendido em Portugal acima de 1,40 euros por litro e a gasolina acima de 1,60 euros. Desde então os combustíveis têm descido semana após semana, com o preço do gasóleo a acumular uma descida de quase 12%, num total de 16,5 cêntimos por litro.

 

Já a gasolina ficou cerca de 20 cêntimos mais barata desde o início de Outubro, o que equivale a uma queda de 12%.

 

A confirmarem-se as descidas previstas para segunda-feira, o custo da gasolina simples de 95 octanas deverá recuar para o valor mais baixo desde Dezembro de 2016. Já o gasóleo simples deverá atingir mínimos de Março de 2018.

 

O ano de 2019 também vai arrancar com boas notícias nos combustíveis. Na terça-feira, 1 de Janeiro, o preço por litro vai recuar mais 3 cêntimos, pois o Governo vai acabar com o adicional ao Imposto sobre Produtos Petrolíferos (ISP) neste combustível, tal como anunciou o ministro das Finanças em Outubro.

 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI