Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EDP tem 40 milhões para o hidrogénio verde até 2025

A empresa vê no hidrogénio um "vetor potencial de crescimento para o futuro".

Getty Images
Ana Batalha Oliveira anabatalha@negocios.pt 25 de Fevereiro de 2021 às 13:57
  • Partilhar artigo
  • 3
  • ...

O hidrogénio verde está a ganhar terreno dentro do portefólio da EDP, embora a elétrica indique que prefere começar com passos mais pequenos. Até 2025 está reservado para este tipo de projetos um investimento de 40 milhões de euros, sendo que, para já, estão 20 projetos sob análise.

No plano estratégico, lê-se que, até 2025, a EDP conta chegar a uma capacidade de 250 megawatts no que diz respeito a eletrolisadores e que os projetos de hidrogénio atingirão entre 0,5 a 1 gigawatt.

Ainda assim, o plano é avançar com cautela, investindo em "projetos relativamente pequenos e quase pilotos", afirmou o CEO, Miguel Stilwell de Andrade, na conferência de imprensa com analistas. A empresa vê no hidrogénio um "vetor potencial de crescimento para o futuro" planeando o lançamento de 20 novos projetos. A nova unidade de negócio que foi anunciada esta semana, dedicada a esta fonte de energia, vai estar atenta às oportunidades de investimento nas várias geografias mas a médio/longo prazo.

"É uma tecnologia muito embrionária que há-de desenvolver-se ao longo da próxima década" e "obviamente se houver oportunidades adicionais e boas", a empresa acompanhará, explica o CEO.

Em julho do ano passado, a EDP juntou-se à Galp, REN, Martifer e à Vestas, no projeto H2 Sines, que previa evoluir até atingir a capacidade de 1GW de capacidade de eletrólise e que pressupunha o investimento de 1,5 mil milhões de euros. Este projeto seria candidato a fundos europeus, mas o governo ainda não terá enviado a candidatura e, na conferência de imprensa, a EDP disse não ter mais informação sobre este assunto.

Ver comentários
Saber mais EDP economia negócios e finanças política autoridades locais autoridades locais partidos e movimentos economia (geral) mercado e câmbios bolsa grandes empresas
Outras Notícias