Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Mapa: O valor das rendas em todas as freguesias nas regiões de Lisboa e Porto

Conheça os valores medianos das rendas dos novos contratos celebrados nas freguesias da Área Metropolitana de Lisboa e da Área Metropolitana do Porto.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 06 de Abril de 2019 às 10:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

O valor das rendas negociadas aumentou 9% em 2018, atingindo 4,8 euros por metro quadrado, revelou o INE a 27 de março.

Para este aumento contribuiu sobretudo os valores praticados nas freguesias localizadas junto a Lisboa e Porto, que são bem superiores à média nacional, como é possível constatar no mapa em cima elaborado pelo Negócios com recurso aos dados do INE.

 

Na Área Metropolitana de Lisboa é na freguesia de Santo António que se verificam as rendas mais elevadas do país (14,1 euros por metro quadrado no segundo semestre). Contudo, em quase todas as freguesias da capital o valor das rendas dos novo contratos mais que duplica a média nacional, pois superam os 10 euros por m2.

Os dados do INE mostram que as rendas aumentaram em todas as freguesias de Lisboa, com o valor mediano a ascender a 11,16 euros por metro quadrado.

Na Área Metropolitana do Porto o valor das rendas é substancialmente mais reduzido, sendo que apenas nas freguesias que pertencem à segunda maior cidade do país se encontram valores médios acima de 7 euros por m2. Ainda assim, as rendas também aumentaram em todas as freguesias do Porto.

Se está a ler esta notícia na aplicação entre aqui para ver os mapas.

 

Paranhos e Cascais com mais contratos

 

No final do mês passado o INE também revelou que o número de novos contratos de arrendamento realizados em 2018 foi de 77.723, uma quebra de 7,9% face aos 84.383 contabilizados no ano anterior. Lisboa foi o concelho onde mais contratos foram celebrados: um total de 6.643 e também abaixo dos 6.980 de 2018.

Foi na freguesia de Paranhos, no Porto, que se registaram mais contratos de arrendamento em 2018: 900. Já em Lisboa, foi em Arroios que se registou o maior número de contratos celebrados (619) e Marvila o menor (65).

Já tendo em conta toda a Área Metropolitana de Lisboa, foi na freguesia de Cascais e Estoril que se celebraram mais contratos ao longo de 2018 (882).

Para a elaboração destas estatísticas, que vão passar a ser divulgadas semestralmente, no valor das rendas o INE opta pela utilização da mediana como referência, ou seja, usa o valor que separa em duas partes iguais o conjunto ordenado das rendas por metro quadrado. Isso permite expurgar o efeito de valores extremos que sejam praticados numa determinada zona. Por outro lado, estes valores são obtidos tendo por base os valores das rendas dos novos contratos de arrendamento celebrado no período que está a ser analisado. Apesar dos dados se referirem ao segundo semestre, como dizem respeito aos últimos 12 meses, correspondem À totalidade do ano de 2018.

Ver comentários
Saber mais Porto Lisboa rendas
Outras Notícias