Tecnologias Facebook suspende estreia da Libra até ter aprovação regulatória

Facebook suspende estreia da Libra até ter aprovação regulatória

O responsável pela empresa que vai gerir a Libra, a moeda virtual criada pelo Facebook em conjunto com dezenas de entidades, declarou que o lançamento da divisa só irá ocorrer após todas as questões regulatórias estarem asseguradas.
Facebook suspende estreia da Libra até ter aprovação regulatória
Negócios 16 de julho de 2019 às 10:50

O Facebook deverá suspender o lançamento da criptomoeda Libra, um projeto que tem em parceria com dezenas de empresas, pois pretende, primeiro, solucionar as questões regulatórias que se impõem e obter o aval das entidades competentes.

"Sabemos que precisamos de levar algum tempo para que (o lançamento) se concretize com sucesso. E quero ser claro: o Facebook não irá oferecer a divisa digital Libra até ter solucionado por completo as dúvidas regulatórias e ter recebido as aprovações adequadas", declarará o presidente da Calibra, David Marcus, num discurso ao Senado que é antecipado pela Bloomberg. A Calibra é a empresa responsável pela gestão da criptomoeda.

O objetivo da empresa liderada por Mark Zuckerberg é estrear a Libra em 2020, não sendo claro se a intenção de clarificar os aspetos regulatórios deverá afetar, ou não, os prazos.

Desde que os planos de Zuckerberg foram anunciados, já a Reserva Federal norte-americana se declarou preocupada com os efeitos que esta moeda poderá ter no mercado. No mesmo discurso, Marcus afirma que a nova moeda não pretende competir com as divisas nacionais ou com a política monetária das instituições centrais.

Também Trump mostrou resistência quanto aos planos de criação desta moeda virtual. O presidente dos Estados Unidos considera que as empresas que criam e gerem moedas como a Bitcoin ou a Libra deveriam estar sujeitas a regulação bancária, "tal como os outros bancos". Criticas feitas através da respetiva conta Twitter. "Não sou fã da Bitcoin e de outras criptomoedas, que não são dinheiro e cujo valor é altamente volátil e baseado em [critérios arbitrários]", começou por escrever Trump. E continuou: "As criptomoedas sem regulação podem facilitar comportamentos ilegais, incluindo tráfico de droga e outras atividades ilegais".

Até ao momento, os detalhes conhecidos apontam para que a Libra seja lançada apoiada na tecnologia Blockchain e seja regulada pelas autoridades financeiras na Suíça.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI