Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Wall Street regressa em alta com fusões e aquisições a animar

Os principais mercados acionistas do outro lado do Atlântico arrancaram esta semana com sinal positivo, a recuperarem das quedas recentes.

Reuters
Carla Pedro cpedro@negocios.pt 14 de Setembro de 2020 às 21:17
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Dow Jones fechou a somar 1,18% para 27.993,33 pontos, e o Standard & Poor’s 500 avançou 1,27% para 3.383,54 pontos.

 

Já o tecnológico Nasdaq Composite ganhou 1,87% para 11.056,55 pontos. Isto depois de ter chegado, na semana passada, a entrar em território de correção – quando há uma queda de pelo menos 10% face ao último máximo.

 

Os principais índices bolsistas dos EUA conseguiram, assim, estrear a semana no verde, a recuperarem da recente turbulência – e após uma série de duas semanas consecutivas de saldo negativo, o que já não acontecia há mais de quatro meses.

 

Um setembro morno não será de surpreender, atendendo a que, historicamente, é o pior mês do ano para o mercado, comentou à CNN Business um dos fundadores do Bespoke Investment Group, Paul Hickey.

 

A única novidade é que esta debilidade das bolsas ocorreu na primeira metade de setembro, quando o habitual é que se revele apenas na segunda metade do mês.

 

O facto de muitos investidores recearem que as tecnológicas estejam demasiado valorizadas levou, nas últimas duas semanas, a um forte movimento de sell-off neste setor, mas na sessão de hoje o panorama melhorou.

 

A Apple fechou a subir 3% para 115,36 dólares, na véspera de um importante evento online.

 

A empresa da maçã deverá dar a conhecer amanhã o Apple Watch 6 e o iPad Air 4 num evento não presencial. Mas será que vai revelar os novos modelos do iPhone 12? As opiniões dividem-se, já que no website da Apple não são dados quaisquer pormenores, apenas se sabendo que o evento se realiza no Apple Park, com início às 18:00 de Lisboa.

 

Entre a imprensa mundial, houve já quem avançasse que a empresa liderada por Tim Cook apresentará também pelo menos quatro novos modelos do iPhone, mas a Bloomberg referiu que serão apenas revelados o Apple Watch 6 e o iPad Air 4, provavelmente a par com mais alguns dispositivos, ficando os iPhone para outubro.

 

Segundo a Phonearena, a Apple poderá apresentar também, neste evento online, o iOS 14, preferindo não esperar pelo lançamento do iPhone 12 para poder começar logo a atualizar os seus smartphones – desde os iPhone 6S até ao iPhone 11.

 

O otimismo em torno de vários anúncios de fusões e aquisições também ajudou a melhorar o sentimento dos investidores nesta segunda-feira.

 

Segundo as mais recentes notícias, a Oracle e a TikTok vão ser parceiras de negócio nos Estados Unidos, além de que a fabricante norte-americana de microchips Nvidia acordou comprar a sua congénere britânica ARM – detida pelo japonês Softbank – por 40 mil milhões de dólares.

 

Além disso, a Gilead Sciences vai adquirir a Immunomedics por cerca de 21 mil milhões de dólares.

Ver comentários
Saber mais wall street dow jones s&p 500 Nasdaq bolsas EUA
Mais lidas
Outras Notícias