Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião

Economia a desacelerar e Bolsa a subir

A Bolsa continua a subir, apesar das notícias da economia. Mais uma lição que economia é uma coisa e bolsa é outra.

  • Partilhar artigo
  • ...
Comente aqui o artigo de Ulisses Pereira

Numa altura em que continuam a sair notícias sobre o abrandamento da economia portuguesa, a nossa Bolsa continua a subir. Esta será a enésima lição do mercado ensinando que Economia é uma coisa e Bolsa outra. É verdade que, no longo prazo, a correlação é evidente e indiscutível mas há um desfasamento temporal e os investidores que compram quando saem boas notícias macroeconómicas ou vendem quando saem maus dados macroeconómicos acabam por perder dinheiro.

O PSI fechou a semana na zona de resistência que temos vindo aqui a referir entre os 5.250 e os 5.300 pontos. Foi esta zona que travou a subida da Bolsa portuguesa no início do mês passado mas, dada a consolidação que ocorreu nas semanas seguintes, o índice aliviou do estado "sobrecomprado" em que se encontrava e está agora em melhores condições técnicas para atacar essa zona de resistência.

Da mesma forma que, há mais de um mês, referi que não acreditava na quebra da resistência à primeira tentativa devido ao estado "sobrecomprado" do PSI, agora depois da consolidação, essa já é uma possibilidade em cima da mesa. Recordo que o índice deu o primeiro grande sinal de força do último ano quebrando a resistência dos 5.050 pontos, colocando os touros no comando, mas a rutura consistente da zona de resistência entre os 5.250 e os 5.300 pontos abriria espaço para subidas mais fortes.

Na próxima semana, não poderei escrever este meu habitual artigo semanal. Seria excelente se, daqui a duas semanas, estivesse aqui a falar da rutura da resistência. Está por um fio, mas por vezes o último passo é o mais difícil. O entusiasmo que falo dessa possibilidade é porque acredito que, se for concretizada, o PSI tem tudo para ir testar o máximo dos últimos 3 anos e meio. E um "Bull Market" pujante faz quase todos mais felizes à sua volta. 

Nem Ulisses Pereira, nem os seus clientes, nem a DIF Brokers detêm posição sobre os activos analisados. Deve ser consultado o disclaimer integral aqui


Analista Dif Brokers
ulisses.pereira@difbroker.com

Mais artigos do Autor
Ver mais
Outras Notícias