Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Descobrir o “Dicionário” e outras experiências culturais em casa

Para fazer sozinho ou em família. Nas cinco sugestões desta semana, há motivos para se deslumbrar com o mundo lá fora, sem sair de casa.

Wilson Ledo wilsonledo@negocios.pt 20 de Fevereiro de 2021 às 18:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

DICIONÁRIO

Se a telescola voltou a entrar na vida das famílias, não é motivo para que os mais novos não possam aprender (e divertir-se) por outras vias. Os SillySeason e o Teatro Lu.Ca prepararam "Dicionário", um jogo para crianças onde os adultos também vão querer participar. São quatro episódios, de dez minutos cada, para descobrir a magia das palavras que guardam os dicionários. O primeiro episódio é lançado este domingo e, a cada dois dias, sai o seguinte. Para ver no Youtube ou no Facebook desta sala lisboeta.


 

DOCLISBOA: FICARAM TANTAS HISTÓRIAS POR CONTAR

Os festivais de cinema adaptaram-se ao "streaming" e o DocLisboa não foi exceção. Até 24 de fevereiro, o festival dedicado ao cinema documental lança um novo programa digital, o "Ficaram Tantas Histórias por Contar". Além dos sete filmes, que podem ser alugados individualmente ou em pacote, existem debates diários com realizadores.



DIAS CONTADOS

A pandemia impediu a estreia ao vivo de "Dias Contados", o novo trabalho de Elisabete Francisca. Com uma experiência diferente do teatro, com um registo de alta resolução e multicâmara, é possível assistir na Sala "Online" do Teatro Nacional D. Maria II até 5 de março. Numa altura em que nos pedem para ficar em casa, o espetáculo aborda a questão da crise habitacional e das dificuldades de acesso a um direito básico.


 

OS FIGOS SÃO PARA QUEM PASSA

Um urso decide ficar parado, sem sair do lugar, à espera que os frutos de uma figueira fiquem maduros. O que acontece depois? Neste espetáculo destinado a crianças dos três aos seis anos, Marta Bernardes faz uma leitura encenada do livro de João Gomes Abreu e Bernardo P. Carvalho. Tenha ou não a obra aí na estante, até ao final do mês pode assistir a "Os Figos são para quem Passa" de uma forma digital com o São Luiz Teatro Municipal.



MAIS NADA SE MOVE EM CIMA DO PAPEL

 Mais do que o corpo, quem aqui viaja é o olhar e a imaginação. O Centro de Artes de Águeda abre as portas, de forma digital, para uma visita guiada à exposição "Mais Nada se Move em Cima do Papel". Com curadoria de Sara Antónia Matos, procura-se mostrar a importância do desenho como forma de pensamento - não só como técnica mas também como género artístico. A iniciativa é gratuita.

Ver comentários
Saber mais cultura teatro agenda música exposições covid-19 pandemia propostas culturais sugestões culturais Weekend arte
Outras Notícias