Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

CMVM suspende ações da Orey Antunes

A Orey está à espera da homologação do PER, já aprovado pelos seus credores, e não vai apresentar as contas de 2019 dentro do prazo legal.

Miguel Baltazar
Rafaela Burd Relvas rafaelarelvas@negocios.pt 13 de Julho de 2020 às 08:51
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) suspendeu esta segunda-feira, 13 de julho, a negociação das ações da Orey Antunes, por a empresa não ter divulgado as contas de 2019 no prazo legal. A sociedade já tinha anunciado que iria adiar a apresentação dos resultados do ano passado por estar à espera da homologação do processo especial de revitalização (PER) já aprovado pelos credores.

"O conselho de administração da CMVM deliberou a suspensão da negociação das ações da Sociedade Comercial Orey Antunes e outros instrumentos relacionados, na sequência de o emitente não ter publicado informação financeira periódica no prazo", pode ler-se no comunicado emitido pela CMVM esta manhã.

Na passada sexta-feira, em comunicado à CMVM, a Orey já tinha explicado que o prazo para o tribunal proferir decisão quanto à homologação do PER ainda está a decorrer e que este processo teria impacto "nos trabalhos de auditoria relativos ao exercício de 2019", pelo que não seria possível "concluir a elabaoração dos documentos de prestação de contas do referido exercício dentro do prazo previsto".

No mesmo comunicado, a Orey adiantava ainda que prevê apresentar as contas até 30 de setembro.

O PER da Orey, já aprovado em assembleia de credores, prevê o pagamento da sua dívida até 2032, ano em que concluirá o pagamento de 6,488 milhões de euros, o que significa um perdão ade 90% dos créditos reconhecidos, que ascendem a 58 milhões de euros.

As ações da Orey negociaram em bolsa pela última vez a 30 de junho. Nessa sessão, em que foram transacionados 5.400 títulos, as ações dispararam 49% para 7,45 cêntimos.
Ver comentários
Saber mais orey antunes per cmvm
Mais lidas
Outras Notícias