Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Airbnb procura avaliar empresa em 35 mil milhões no IPO

A companhia aponta, para já, o anúncio do preço do IPO a 9 de dezembro, para que as ações comecem a transacionar no Nasdaq no dia seguinte, segundo avança a Bloomberg, que não obteve comentário oficial por parte da Airbnb.

Negócios 01 de Dezembro de 2020 às 18:28
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

A Airbnb e os seus investidores pretendem amealhar 2,6 mil milhões de dólares na oferta pública inicial (IPO na terminologia anglo-saxónica). Só os actuais acionistas querem arrecadar, com a venda de ações que detêm, cerca de 96 milhões de dólares no IPO, segundo a CNBC.

De acordo com informação divulgada esta terça-feira, 1 de dezembro, citada pela Bloomberg, a plataforma de alojamento local e alguns dos seus acionistas vão oferecer 51,9 milhões de ações a um preço cujo intervalo se situa entre os 44 e os 50 dólares por título. 

 

Assim, o seu valor deverá situar-se em cerca de 35 mil milhões de dólares, tendo em conta o máximo do intervalo determinado.


A maior avaliação da Airbnb, enquanto empresa não cotada, foi de 31 mil milhões de dólares, num financiamento conseguido em 2017. No entanto, já no início deste ano, a avaliação, numa emissão de dívida de dois mil milhões de dólares, foi de 18 mil milhões. 


Este intervalo de preços ainda pode ser alterado, dependendo da procura pelas ações no "roadshow" com investidores que vai acontecer, ao que noticia a Bloomberg, na próxima semana.


A companhia aponta, para já, o anúncio do preço do IPO a 9 de dezembro, para que as ações comecem a transacionar no Nasdaq no dia seguinte, segundo avança a Bloomberg, que não obteve comentário oficial por parte da Airbnb.

Ver comentários
Saber mais Airbnb IPO bolsa
Outras Notícias