Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PS agradece a ministro das Finanças com um "obrigado, prof. Mário Centeno"

O PS agradeceu hoje com "obrigado, prof. Mário Centeno, pelo trabalho que fez por Portugal e pelos portugueses" como ministro das Finanças e nada disse sobre se o apoiará para Banco de Portugal.

A carregar o vídeo ...
PS agradece a ministro das Finanças com um 'obrigado, prof. Mário Centeno'
Lusa 09 de Junho de 2020 às 14:50
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...
Em declarações aos jornalistas na Assembleia da República, a líder parlamentar socialista, Ana Catarina Mendes, elogiou Centeno como o "o melhor ministro das Finanças de sempre" e sublinhou os resultados da política económica seguida pelo Governo liderado por António Costa.

Resultados, enumerou, como a "devolução de rendimentos, baixa de impostos, crescimento económico, na criação de emprego" e com "capacidade de liderar a equipa das Finanças".

Para o futuro, Ana Catarina Mendes conta que João Leão, o secretário de Estado do Orçamento que será o novo ministro das Finanças, faça um trabalho "de continuidade", dado que está, há cinco anos, na equipa de Centeno.

E recusou a ideia de que, com esta mudança, o Governo ficou enfraquecido.  

Sobre a possibilidade de o ministro cessante poder vir a ser governador do Banco de Portugal (BdP), a presidente da bancada do PS não se pronunciou diretamente -- só falou "sobre a matéria que está em cima da mesa", a remodelação.

Ana Catarina Mendes afirmou, no entanto, que Mário Centeno "prestigia sempre" a instituição a que pertence.

O Presidente da República aceitou hoje a exoneração de Mário Centeno como ministro de Estado e das Finanças, proposta pelo primeiro-ministro, e a sua substituição por João Leão, até agora secretário de Estado do Orçamento, com a tomada de posse marcada para segunda-feira.

Secretário de Estado do Orçamento desde novembro de 2015, João Leão tem sido responsável pela política orçamental dos governos de António Costa.

Será João Leão que, no próximo dia 17, vai apresentar na Assembleia da República, a proposta do Governo de Orçamento Suplementar hoje aprovada em Conselho de Ministros.
Ver comentários
Outras Notícias